Contaminados em alta e redução de mortes

Números que integram o boletim epidemiológico da Covid-19 da Secretaria Estadual de Saúde apontam que mais 988 pessoas testaram positivo para a doença em Mato Grosso do Sul. Desse total, 507 são de pessoas que moram em Campo Grande. Com isso, o Estado soma 39.381 registros sendo 16.988 na Capital. Nas últimas 24 horas foram […] O post Contaminados em alta e redução de mortes apareceu primeiro em Diário Digital.

Números que integram o boletim epidemiológico da Covid-19 da Secretaria Estadual de Saúde apontam que mais 988 pessoas testaram positivo para a doença em Mato Grosso do Sul. Desse total, 507 são de pessoas que moram em Campo Grande. Com isso, o Estado soma 39.381 registros sendo 16.988 na Capital.

Nas últimas 24 horas foram confirmadas mais 11 mortes provocadas pela doença no Estado, sendo 03 na Capital. Agora o somatório de óbitos passa para 668, sendo que 254 são de pacientes da Capital. Agosto tem sido marcado pelo aumento exponencial do número de mortes. Só este mês foram 258 no Estado e 110 em Campo Grande.

A taxa de ocupação de leitos reduziu. Atualmente o índice é de 78% na Capital, 46% em Dourados, 67% para a região de Corumbá e 46% para a macrorregião de Três Lagoas. De acordo com o boletim 283 pessoas estão internadas em leitos clínicos e 243 em UTI. Há ainda o registro de 6 pacientes que moram em MS, mas estão internados em outros Estados.

Do total de 39.381 casos registrados, 31.750 pacientes já passaram pela quarentena, estão sem sintomas e são considerados curados. Ainda estão em isolamento domiciliar 6.443 pessoas em todo o Estado.

Das 11 mortes confirmadas, a Capital confirmou mortes de três homens, de 40, 70 e 74 anos. O mais novo não tinha comorbidade. Rio Verde de Mato Grosso confirmou morte de dois idosos, de 77 e 70 anos.

Na cidade de Miranda, a vítima foi um homem de 67 anos. Guia Lopes da Laguna registrou óbito de idoso, de 74, Rio Brilhante confirmou morte de idosa, de 68; Naviraí confirmou morte de idoso, de 78; Cassilândia confirmou morte de mulher, de 37; e por fim, Corumbá confirmou morte de idoso, de 76 anos.

O post Contaminados em alta e redução de mortes apareceu primeiro em Diário Digital.

Últimas