Diário Digital Corpo de Bombeiros simula retirada de vítimas em casos de pane em roda gigante

Corpo de Bombeiros simula retirada de vítimas em casos de pane em roda gigante

Na manhã desta quarta feira (09), foi realizado o segundo dia de treinamento de altura em possíveis casos de pane na roda gigante instalada no estacionamento do Shopping Campo Grande, com os militares do corpo de bombeiros simulando a retirada de vítimas. O treinamento será realizado até sexta-feira (11). Ao todo serão 32 militares que […] O post Corpo de Bombeiros simula retirada de vítimas em casos de pane em roda gigante apareceu primeiro em Diário Digital.

Na manhã desta quarta feira (09), foi realizado o segundo dia de treinamento de altura em possíveis casos de pane na roda gigante instalada no estacionamento do Shopping Campo Grande, com os militares do corpo de bombeiros simulando a retirada de vítimas. O treinamento será realizado até sexta-feira (11).

Ao todo serão 32 militares que passarão pelo treinamento, sendo 8 militares por dia.

Diário Digital

Diário Digital

Diário Digital
Foto Luciano Muta

"Em nosso dia a dia, é normal lidarmos com acidentes e incêndios, mas essas ocorrências envolvendo altura dessa forma são bem mais difíceis, porém se não estivermos preparados e treinados, pode acabar acontecendo alguma falha e quando se trata de vidas não pode ocorrer falhas", ressalta Leandro Arruda, assessor de comunicação do Corpo de Bombeiros.

O equipamento utilizado no treinamento foi comprado com a finalidade de trabalhar em situações de ocorrências de alturas, especialmente na Capital, onde se tem grandes números de prédios e brinquedos de parque de diversões permanentes, como o caso da roda gigante, em casos de pane, os militares do Corpo de Bombeiros estarão preparados para realizar o resgate.

"Apesar de ser uma ocorrência atípica, a corporação precisa está preparada. A falta de ambientação dos militares com o equipamento que tem apenas um ano e meio na corporação, além da dificuldade da cabine da roda gigante que pode está movimentando, as hastes de sustentação do brinquedo pode acabar atrapalhando no socorro à vítima. Então por esses graus de dificuldade, é importante que a equipe esteja preparada para casos de necessidade", afirma o assessor de comunicação do Corpo de Bombeiros, Leandro Arruda.

A escada mecânica é um equipamento importado com investimento do Estado em cerca de R$ 6 milhões, para auxílio dos militares em resgates que envolva alturas.

Diário Digital

Diário Digital

Diário Digital
Diário Digital

Diário Digital

Diário Digital
Diário Digital

Diário Digital

Diário Digital
Diário Digital

Diário Digital

Diário Digital
Foto Luciano Muta

O post Corpo de Bombeiros simula retirada de vítimas em casos de pane em roda gigante apareceu primeiro em Diário Digital.

Últimas