Diário Digital Dalton Andrade fica com o ouro nos 100m do atletismo

Dalton Andrade fica com o ouro nos 100m do atletismo

Após três anos, o paradesporto retornou ao programa dos Jogos Universitários Brasileiros (JUBs) na edição de Brasília 2021. Mato Grosso do Sul esteve no pódio no primeiro dia de disputas do atletismo paradesportivo. Dalton Hian Caetano de Andrade conquistou a medalha de ouro nos 100 metros rasos, na classe T11 (atletas cegos), ao lado do […] O post Dalton Andrade fica com o ouro nos 100m do atletismo apareceu primeiro em Diário Digital.

Após três anos, o paradesporto retornou ao programa dos Jogos Universitários Brasileiros (JUBs) na edição de Brasília 2021. Mato Grosso do Sul esteve no pódio no primeiro dia de disputas do atletismo paradesportivo. Dalton Hian Caetano de Andrade conquistou a medalha de ouro nos 100 metros rasos, na classe T11 (atletas cegos), ao lado do atleta-guia Hugo Pedro Amarilha Gimenez, nesta quinta-feira (14). Na competição, delegação sul-mato-grossense é apoiada pelo Governo do Estado, via Fundação de Desporto e Lazer de Mato Grosso do Sul (Fundesporte).

Acadêmico de Educação Física na Universidade Católica Dom Bosco (UCDB), Dalton fechou a prova com o tempo de 12s70. O paratleta tem como técnico Daniel Sena, uma das referências do atletismo convencional e paralímpico em Mato Grosso do Sul e no país. E não para por aí. O campo-grandense volta à pista no sábado (16), às 9h55 (horário de MS) para competir os 200 metros rasos.

Este é o terceiro ouro do sul-mato-grossense em menos de dois meses. Nos dias 17 e 18 de setembro, Dalton também subiu duas vezes ao lugar mais alto e almejado do pódio nas Paralimpíadas Universitárias 2021. O velocista faturou o ouro nas provas de 100 e 200 metros rasos. O evento foi realizado no Centro de Treinamento Paralímpico Brasileiro, em São Paulo (SP).

Segundo a Confederação Brasileira do Desporto Universitário (CBDU), organizadora dos JUBs, em 2018 o paradesporto teve competições suspensas nos eventos da entidade por mudança no repasse de verba. Os JUBs Brasília 2021 reúnem, ao totó, 41 atletas: 22 no paratletismo, três no badminton paradesportivo, 11 na paranatação e cinco no tênis de mesa. A Confederação pretende ampliar o número de modalidades e paratletas nas próximas edições.

Os atletas de Mato Grosso do Sul participam dos JUBs Brasília 2021 com apoio do Governo do Estado, por intermédio da Fundesporte. A delegação foi formada e é coordenada na competição pela Federação Universitária de Esportes de Mato Grosso do Sul (FUEMS).

O post Dalton Andrade fica com o ouro nos 100m do atletismo apareceu primeiro em Diário Digital.

Últimas