Diário Digital Denar encontra 200 quilos explosivos de alto poder de destruição

Denar encontra 200 quilos explosivos de alto poder de destruição

Após receber uma denúncia anônima sobre tráfico de drogas, equipe da Denar (Delegacia Especializada de Repressão ao Narcotráfico) localiza grande quantidade de explosivos em uma casa no bairro Jardim Aeroporto. A principal suspeita é de que o material poderia ser ser usados por criminosos para cometer assaltos, em especial caixas eletrônicos. O flagrante aconteceu nesta […] O post Denar encontra 200 quilos explosivos de alto poder de destruição apareceu primeiro em Diário Digital.

Após receber uma denúncia anônima sobre tráfico de drogas, equipe da Denar (Delegacia Especializada de Repressão ao Narcotráfico) localiza grande quantidade de explosivos em uma casa no bairro Jardim Aeroporto. A principal suspeita é de que o material poderia ser ser usados por criminosos para cometer assaltos, em especial caixas eletrônicos.

O flagrante aconteceu nesta terça-feira (15) . Na residência um homem de 26 anos contou que guardava os explosivos embaixo da cama a pedido de sua cunhada. Dentro de um armário de cozinha os policiais encontraram cordéis para detonação. O suspeito afirmou que não receberia nada pelo favor. O homem morava com sua esposa, mas alega que ela não sabia da existência dos explosivos. Além do casal viviam na casa os filhos que são duas crianças.

Diário Digital

Diário Digital

Diário Digital
Delegado Gustavo Ferraris mostra o artefato apreendido (Foto: Gabriel Torres)

Ao todo foram encontrados cerca de 200 quilos de banana de dinamite que totalizam 131 unidades de emulsão explosiva e dois rolos de cordel detonante, sendo um NP- 10 e outro NP- 5. Os policiais da Denar tiveram o apoio dos agentes do Garras (Delegacia Especializada de Repressão a Roubos a Banco, Assaltos e Sequestros) para a remoção dos explosivos.

Durante a prisão do suspeito, outra equipe de policiais se deslocou para o Jardim Zé Pereira onde fica a casa da cunhada de 24 anos que teria pedido para guardar os explosivos. A mulher contou que o ex-marido, que é presidiário, ordenou que ela guardasse os artefatos. A ordem foi dada mesmo ele estando em regime fechado, dentro do presídio. Ela também confirmou que havia pedido para o cunhado guardar os explosivos.

Segundo o delegado Gustavo Ferraris, titular da Denar, uma pequena quantidade da emulsão seria capaz de explodir caixas eletrônicos. “Apenas 300 gramas dessa emulsão explode um caixa eletrônico”, ressaltou.

Os explosivos são fruto de um roubo na pedreira São Luis, que aconteceu no dia 26 de dezembro de 2016. Dois homens armados amarraram o segurança e arrombaram o compartimento onde estavam armazenados os explosivos.

O homem e a mulher flagrados com o material foram indiciados por posse ilegal de artefato explosivo, relacionado a crime hediondo. Ainda segundo investigações, o ex- marido da mulher de 24 anos faz parte de organização criminosa e está preso por tráfico de drogas. O material poderá detonado em área de segurança ou devolvido à empresa de onde foi roubado.

Diário Digital

Diário Digital

Diário Digital
Diário Digital

Diário Digital

Diário Digital
Diário Digital

Diário Digital

Diário Digital
Duas pessoas foram presas durante flagrante (Foto: Gabriel Torres)

O post Denar encontra 200 quilos explosivos de alto poder de destruição apareceu primeiro em Diário Digital.

Últimas