Diário Digital Dourados ultrapassou Capital fica na segunda posição entre os municípios que mais exportam

Dourados ultrapassou Capital fica na segunda posição entre os municípios que mais exportam

Dourados ultrapassou Campo Grande e em 2020 assumiu a segunda posição entre os municípios que mais exportam em Mato Grosso do Sul. Dados da Balança Comercial compilados pela Semagro (Secretaria de Meio Ambiente, Desenvolvimento Econômico, Produção e Agricultura Familiar), mostram que o município passou a representar 11,9% de tudo o que o Estado envia ao […] O post Dourados ultrapassou Capital fica na segunda posição entre os municípios que mais exportam apareceu primeiro em Diário Digital.

Dourados ultrapassou Campo Grande e em 2020 assumiu a segunda posição entre os municípios que mais exportam em Mato Grosso do Sul. Dados da Balança Comercial compilados pela Semagro (Secretaria de Meio Ambiente, Desenvolvimento Econômico, Produção e Agricultura Familiar), mostram que o município passou a representar 11,9% de tudo o que o Estado envia ao exterior. 

Fruto da política de desenvolvimento econômico adotada pelo Governo do Estado, o aumento nas exportações é reflexo de investimentos privados que contribuem para diversificar a matriz econômica e agregar valor à matéria-prima local. Exemplo claro é a Coamo, inaugurada no fim de 2019, o Complexo Industrial é responsável pela produção de farelo e óleo de soja.

O resultado de um ano de produção da indústria pode ser verificado no balanço das exportações de 2020. No ano passado, Dourados aumentou em 2,734% o volume de farelo de soja exportado, além de 251% nas vendas externas de óleo de soja e de 53% na comercialização de soja ao exterior. Foram 32 mil toneladas de óleo de soja exportadas em 2020 contra 9 mil toneladas em 2019.

O farelo de soja saltou de 15 mil toneladas em 2019 para 435 mil toneladas em 2020 e as exportações de soja pelo município, que somavam 638 mil toneladas em 2019, atingiu a marca de 981 mil toneladas do grão enviadas ao mercado externo. No ano passado, Dourados também aumentou as exportações de carnes suína, bovina e de aves.

“Mato Grosso do Sul foi escolhido para receber o complexo industrial da Coamo, considerado o maior investimento em esmagamento de soja no país, por ter um ambiente de negócios seguro e competitivo. São estratégias adotadas pelo Governo do Estado, com foco no desenvolvimento econômico que tem proporcionado empreendimentos dessa magnitude que geram emprego, renda e divisas para o Estado”, afirma o titular da Semagro, secretário Jaime Verruck.

10 maiores exportadores de MS

Conforme balanço das exportações de 2020, em Mato Grosso do Sul 10 municípios respondem por 83,5% de tudo o que é enviado para outros países. Três Lagoas lidera o ranking com participação de 41,8% devido a celulose, seguido por Dourados com 11,9%, Campo Grande com 9,12, Corumbá com 4,84% e Chapadão do Sul com 3,86%.

Em sexto no ranking aparece Naviraí, com participação de 3% nas exportações, seguido de Bataguassu com 2,52%, Sidrolândia com 2,26%, Antônio João em nono, com 2,21% e, por fim, Itaquiraí fecha a lista dos 10 com participação de 1,91% do total.

Outro destaque de 2020 é Antônio João, que entrou para o ranking dos 10 após aumentar em 391% as exportações de soja. Se em 2019 o município exportou 58 mil quilos do grão, no ano passado alcançou 288 mil quilos enviados ao mercado externo.

O post Dourados ultrapassou Capital fica na segunda posição entre os municípios que mais exportam apareceu primeiro em Diário Digital.

Últimas