Diário Digital Em dois meses, PRF já recuperou 31 carros roubados ou de propriedade de locadoras

Em dois meses, PRF já recuperou 31 carros roubados ou de propriedade de locadoras

O número de carros roubados/furtados trazidos para a região de fronteira entre Corumbá e as cidades bolivianas de Puerto Suárez e Puerto Quijarro, vem chamando a atenção da Polícia Rodoviária Federal. Só nesses primeiros dois meses de 2021, a corporação já recuperou 31 veículos, mesmo com a passagem pela fronteira restrita a moradores de cidades […] O post Em dois meses, PRF já recuperou 31 carros roubados ou de propriedade de locadoras apareceu primeiro em Diário Digital.

O número de carros roubados/furtados trazidos para a região de fronteira entre Corumbá e as cidades bolivianas de Puerto Suárez e Puerto Quijarro, vem chamando a atenção da Polícia Rodoviária Federal.

Só nesses primeiros dois meses de 2021, a corporação já recuperou 31 veículos, mesmo com a passagem pela fronteira restrita a moradores de cidades gêmeas, por causa da pandemia. Mas, as chamadas "cabriteiras", que são estradas clandestinas, possibilitam aos criminosos atravessar o veículo para o lado boliviano, quando conseguem driblar a fiscalização.

Só na quarta-feira (24) dois carros, com registro de roubo foram recuperados pela PRF na BR-262, após perseguição policial. Um foi localizado no Distrito de Albuquerque e o outro acabou caindo em uma ribanceira alagada. Ninguém foi preso.

O chefe da delegacia da PRF em Corumbá, Wesley Seron, informa que o número é alto se comparado com meses anteriores. Pelo total de veículos, é apreendido e recuperado pelo menos um carro a cada dois dias.

“É um crime de bastante evidência no momento. A maioria desses carros são de golpe em locadoras, porém, vem nos chamando muito a atenção também o crescimento de automóveis roubados ou furtados”.

Ainda segundo ele, acredita-se que uma vez trazidos até a região de fronteira, “boa parte dos carros serve como moeda de troca para o tráfico de drogas, ainda mais por estarmos localizados em uma região de fronteira”, comentou.

O chefe da PRF em Corumbá também revelou outro ponto que chama a atenção em relação aos golpes em locadoras de outros Estados. “Antes, esses carros eram locados em diferentes nomes, facilitando a fiscalização. Agora, os carros passaram a ser locados no próprio nome do receptador, ou seja, da pessoa que está na condução ou companhia no veículo”, contou Wesley Seron.

Mas, ele declarou que “mesmo diante disso, com os envolvidos se aprimorando nos golpes, nós também nos aprimoramos para tentar frear essa ação em nossa região”

(Com informações Diário Corumbaense)

O post Em dois meses, PRF já recuperou 31 carros roubados ou de propriedade de locadoras apareceu primeiro em Diário Digital.

Últimas