Diário Digital Especialista na área de direito animal processa universidade por negligência

Especialista na área de direito animal processa universidade por negligência

A Universidade Católica Dom Bosco (UCDB) está sendo processada por omissão de socorro pelo especialista em direito animal que foi responsável pelo caso do gato Frajola, em Campo Grande (MS). A decisão foi tomada após o atropelamento de um cachorro na Instituição, que não resistiu aos ferimentos e acabou morrendo. O fato ocorreu no dia […] O post Especialista na área de direito animal processa universidade por negligência apareceu primeiro em Diário Digital.

A Universidade Católica Dom Bosco (UCDB) está sendo processada por omissão de socorro pelo especialista em direito animal que foi responsável pelo caso do gato Frajola, em Campo Grande (MS). A decisão foi tomada após o atropelamento de um cachorro na Instituição, que não resistiu aos ferimentos e acabou morrendo.

O fato ocorreu no dia 31 de Março, e gerou uma grande repercussão na Capital. Um cachorro, chamado Hércules, ficou ferido nas dependências da UCDB e os alunos se revoltaram com a clínica veterinária escola por não realizar o atendimento ao animal.

No dia do ocorrido, a Universidade se pronunciou dizendo que não negou o atendimento e, que foi informado aos alunos, que um deles teria que ser o responsável legal do cachorro, uma das regras para o atendimento. Ainda segundo a Instituição, nenhum dos envolvidos quis se responsabilizar e o cachorro foi levado para uma clínica particular. Devido à gravidade dos ferimentos, ele não resistiu e a UCDB passou a ser atacada nas redes sociais.

Bacharel em Direito e especialista em direito animal, Pablo Chaves, de 26 anos de idade, afirmou a equipe do Diário Digital que enviou, na última segunda-feira (04) para o Conselho Regional de Medicina Veterinária de Mato Grosso do Sul (CRMVMS) uma denúncia de omissão de socorro pelo caso do Hércules. Além disso, protocolou também uma manifestação na 34ª Promotoria de Justiça, para que seja aberta uma ação civil pública para averiguar o atropelamento e a atitude do Hospital Veterinário Escola.

"Talvez eu entre com uma ação popular requerendo que a UCDB se comprometa a fazer algum programa de acolhimento de animais ou em caso de recusa, pra que seja condenada a uma multa de R$ 100 a R$ 200 mil reais, destinada as ONGs e protetores independentes. Eu como protetor e ativista animal não vou deixar isso passar porque pode se tornar referência para que outras instituições e locais privados façam", ressaltou o bacharel em Direito.

A equipe do Diário Digital entrou em contato com UCDB, mas a Instituição ainda não tem um pronunciamento a fazer sobre o processo.

O post Especialista na área de direito animal processa universidade por negligência apareceu primeiro em Diário Digital.

Últimas