Diário Digital Funcionário de guincho contratado pela prefeitura desviava motos apreendidas e revendia

Funcionário de guincho contratado pela prefeitura desviava motos apreendidas e revendia

Por volta de 11h30, deste domingo (13), uma mulher de 33 anos estava olhando os classificados na internet quando percebeu que a sua moto, apreendida pela polícia, havia sido colocada para venda na rede social. A partir disso, ela entrou em contato com o vendedor, identificado como Acir Martins, 39, e descobriu que ele morava […] O post Funcionário de guincho contratado pela prefeitura desviava motos apreendidas e revendia apareceu primeiro em Diário Digital.

Por volta de 11h30, deste domingo (13), uma mulher de 33 anos estava olhando os classificados na internet quando percebeu que a sua moto, apreendida pela polícia, havia sido colocada para venda na rede social. A partir disso, ela entrou em contato com o vendedor, identificado como Acir Martins, 39, e descobriu que ele morava na rua Pedro Rechi, na Vila Esperança.

De acordo com informações policiais, a vítima acionou uma equipe da Guarda Municipal de Dourados, através da Romo, que se deslocou para o local. Na residência foi encontrada a moto Shineray, de cor vermelha. Após verificação foi constatada que a motocicleta era realmente da mulher, inclusive, ela estava apreendida no Detran (Departamento Estadual de Trânsito de Mato Grosso do Sul).

Questionado, Acir disse que comprou a moto por R$900,00 de uma mulher identificada como Rafaela Lopes, de 32 anos, e estava revendendo por R$ 2,1 mil. Após checagem, os agentes conseguiram chegar até a suspeita, que mora na Vila Industrial. Ela estava na companhia do cunhado, Marcio José, de 34 anos. No local, os Guardas acharam outra moto Shineray.

Após verificação, foi constatado que Marcio trabalha em uma empresa de guincho, contratada pela Prefeitura Municipal de Dourados para prestar serviços para a Guarda Municipal e recolher motos apreendidas em blitz e abordagens. De acordo com as investigações, antes de chegar no pátio do Detran, ele desvia os veículos sem placa.

A princípio, duas motos foram localizadas, mas a Polícia Civil continuará as investigações para saber se existem mais motos desviadas e revendidas. Encaminhados para a Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário (Depac), o Acir foi autuado por receptação, Rafaela por associação criminosa e o Marcio foi autuado por associação criminosa e peculato porque existe um contrato público com a empresa do guincho.

Com informações: Dourados News

O post Funcionário de guincho contratado pela prefeitura desviava motos apreendidas e revendia apareceu primeiro em Diário Digital.

Últimas