Limpeza muda paisagem em obra que será retomada

O trabalho das equipes de limpeza mudou a paisagem na obra inacabada do rodoviária no Bairro Cabreúva, em Campo Grande (MS). O empreendimento será retomado e transformado em no Centro de Belas Artes. Além do mato alto, as áreas de entorno vinham servindo de depósito de entulhos. Neste sábado, dia 26 de Fevereiro, um dia […] O post Limpeza muda paisagem em obra que será retomada apareceu primeiro em Diário Digital.

O trabalho das equipes de limpeza mudou a paisagem na obra inacabada do rodoviária no Bairro Cabreúva, em Campo Grande (MS). O empreendimento será retomado e transformado em no Centro de Belas Artes.

Além do mato alto, as áreas de entorno vinham servindo de depósito de entulhos. Neste sábado, dia 26 de Fevereiro, um dia após a assinatura da ordem de retomada das obras a equipe do Diário Digital esteve no local.

Não há operários trabalhando, mas do lado de fora o terreno foi limpo. Na segunda-feira, dia 28, as equipes devem voltar ao local.

Conforme a prefeitura, o Centro de Belas Artes que será ocupado pelo Arquivo Histórico Municipal e pela Secretaria Municipal de Cultura e Turismo.

“Esta é mais uma obra que ficou parada há muito tempo e que estamos tirando do papel. Teremos aqui mais um espaço de oportunidades, cultura, fundamental para o desenvolvimento de uma cidade”, declarou o prefeito na ocasião da assinatura.

Diário Digital

Diário Digital

Diário Digital
(Foto: Divulgação)

Haverá espaço para o funcionamento da Sectur, salas multiusos, salas de dança e um anfiteatro com capacidade para 124 lugares.

Estrutura - Localizado na Rua Plutão, no Bairro Cabreúva, na Região Central, o Centro de Belas Artes será um espaço para o desenvolvimento artístico cultural.

Serão concluídos 2,6 mil m², mais de 17% da estrutura de 15 mil m² que o Governo do Estado começou a construir há 31 anos para abrigar a estação rodoviária de Campo Grande.

O projeto foi readequado pelos arquitetos da Sisep e prevê intervenções no subsolo, onde, em princípio, poderá funcionar o Arquivo Histórico Municipal e no 1º andar, que poderá abrigar a Secretaria Municipal de Cultura e Turismo.

Também no 1º andar estão previstas salas de dança; duas salas de multiuso (uma delas com 650 lugares) e um auditório com 124 lugares.

Um ponto muito importante é que a retomada da obra evitará que a Prefeitura tenha que devolver ao Ministério do Turismo, aproximadamente R$ 10 milhões, em valores corrigidos, que corresponde ao recurso do convênio liberado e aplicado na obra pelas gestões anteriores.

Diário Digital

Diário Digital

Diário Digital
(Foto: Luiz Alberto)

Demanda Judicial - A obra iniciada em 1991 foi projetada inicialmente para sediar o terminal rodoviário da Capital. A construção parou em 1994.

Em 2006 foi repassada à  Prefeitura que na época decidiu adequar o espaço para ser o Centro Municipal de Belas Artes. Com a nova destinação, a  obra foi retomada em 2008.

Em 2013, quando  80% estava executada, os atrasos nos repasses provocaram  nova paralisação. Em 2017, a atual  gestão fez acordo com o Ministério Público do Estado de Mato Grosso do Sul para continuar a obra.

Em maio de 2020, a Justiça suspendeu a retomada da obra e em novembro de 2021 foi aberta a nova licitação, que teve participação de sete empresas.

Diário Digital

Diário Digital

Diário Digital
(Foto: Luiz Alberto)

O post Limpeza muda paisagem em obra que será retomada apareceu primeiro em Diário Digital.

Últimas