Diário Digital Moradores de Campo Grande agora podem contar com o Disque Resgate de Cobras

Moradores de Campo Grande agora podem contar com o Disque Resgate de Cobras

O Biotério da UCDB lançou um canal de Disque Resgate de Cobras/serpentes que também dará suporte e instruções aos moradores de Campo Grande (MS) em situações de dificuldade com a espécie. Encontrar uma cobra dentro de casa é assustador, não é mesmo? A primeira reação que nos vem é a de, livrar-se do animal, muitas […] O post Moradores de Campo Grande agora podem contar com o Disque Resgate de Cobras apareceu primeiro em Diário Digital.

O Biotério da UCDB lançou um canal de Disque Resgate de Cobras/serpentes que também dará suporte e instruções aos moradores de Campo Grande (MS) em situações de dificuldade com a espécie.

Encontrar uma cobra dentro de casa é assustador, não é mesmo? A primeira reação que nos vem é a de, livrar-se do animal, muitas das vezes até ferindo ou matando, sem saber da importância que esse animal rastejante tem para medicina.

Diário Digital

Diário Digital

Diário Digital
 o Biotério UCDB é um laboratório que tem por missão a manutenção de animais silvestres. (Foto: Marco Miatelo)

Pensando nisso, o Disque Resgate de cobras do biotério da Universidade Católica Dom Bosco (UCDB) conscientiza a população a não matar esses animais quando encontrados, principalmente, espécies como Bothrops alternatus, popularmente conhecida como urutu-cruzeiro ou jararaca.

A orientação é que o morador acione de imediato o disque resgate pelo telefone: (67) 3312-3688.

"Observamos que houve essa necessidade do Disque Resgate, por conta do aumento de casos em que moradores encontram as serpentes em suas casas, ou no perímetro urbano da cidade. Inclusive todas as serpentes do Biotério UCDB são oriundas de resgates feitos pela equipe do Biotério, militares e a própria população", explicou Fernanda Alves, Bióloga do laboratório.

Diário Digital

Diário Digital

Diário Digital
 "Atualmente o Biotério conta com um acervo de 320 serpentes peçonhentas", comenta a Biológa Fernada Alves. (Foto: Marco Miatelo/Diário Digital)

Cobras x Medicina - As serpentes peçonhentas possuem cronograma de extração de veneno com padronização sanitária, uma vez que são utilizados para produção de antiveneno e pesquisas de biomoléculas que possam ser  aplicadas   a   saúde   humana, a exemplo do Captopril® (Medicação para Hipertensão).

A partir do veneno é utilizado também para a produção de novos fármacos e do soro antiofídico pelo Instituto Vital Brasil.

Diário Digital

Diário Digital

Diário Digital
Diário Digital

Diário Digital

Diário Digital
Diário Digital

Diário Digital

Diário Digital
Diário Digital

Diário Digital

Diário Digital
Diário Digital

Diário Digital

Diário Digital
Diário Digital

Diário Digital

Diário Digital
Diário Digital

Diário Digital

Diário Digital
(Fotos: Marco Miatelo/ Diário Digital)

Dados Importantes - Conforme documento encaminhado pela Polícia Militar Ambiental, onde se é possível fazer um comparativo ao aumento de registros de cobras/serpentes resgatadas no ano passado com o ano de 2021.

Em 2020 foram o total de 66 capturas de cobras, já até o mês de maio desse ano o número de casos é de 48, sendo mais que o dobro do total do ano anterior.

De acordo com a Bióloga Fernanda, o aparecimento frequente das cobras no perímetro urbano de Campo Grande, ocorre devido as obras e ao desmatamento nessas áreas.

Outro Serviço - O Biotério também realiza treinamentos para grupos militares e civis, sobre conservação de animais peçonhentos, manejo e resgate de serpentes e conscientização sobre tráfico de animais silvestres.

Reforço - Os especialistas explicam que o recomendado é manter distância e acionar o disque resgate do Biotério UCDB, pelo telefone/Whatsapp: (67) 3312-3688.

O post Moradores de Campo Grande agora podem contar com o Disque Resgate de Cobras apareceu primeiro em Diário Digital.

Últimas