Diário Digital Moradores denunciam casos de envenenamento de cães e gatos

Moradores denunciam casos de envenenamento de cães e gatos

Moradores da Vila Fernanda, na região do Caiobá, em Campo Grande, estão assustados com as mortes frequentes de cães e gatos. Na noite de terça-feira (18), uma moradora perdeu dois cães e um gato que aparentemente foram envenenados. Na mesma rua, os cachorros de outro vizinho já tinham morrido apresentando os mesmos sintomas. Ana Cláudia […] O post Moradores denunciam casos de envenenamento de cães e gatos apareceu primeiro em Diário Digital.

Moradores da Vila Fernanda, na região do Caiobá, em Campo Grande, estão assustados com as mortes frequentes de cães e gatos. Na noite de terça-feira (18), uma moradora perdeu dois cães e um gato que aparentemente foram envenenados. Na mesma rua, os cachorros de outro vizinho já tinham morrido apresentando os mesmos sintomas.

Ana Cláudia de Arruda, 44 anos, era a dona dos três animais mortos na última terça. Ela conta que a gata foi a primeira a apresentar sinais de envenenamento. “Encontrei ela embaixo do taque, se debatendo de dor.  Tentei segura-la, mas não tinha o que fazer, foi muito rápido, a gatinha ficou com a língua rocha e em poucos minutos já morreu”, narra a auxiliar de produção.

Logo em seguida, ela recebeu a visita da sobrinha e ao abrir o portão, os dois cachorros saíram para a rua, um costume dos animais que segundo a dona sempre retornavam sozinhos. Mas naquela noite, foi diferente. “Logo eles voltaram e começaram a arranhar o portão para entrar. Eles estavam babando e agonizando de dor igual minha gata. Tentei dar leite para que vomitassem e mesmo assim, um deles até sangrou”, descreve os momentos de horror que viveu ao ver seus três animais de estimação mortos no quintal, em minutos.

Segundo o presidente da Vila Fernanda e morador da mesma rua que Ana Cláudia, há um ano vizinhos relatam casos de envenenamento de animais. Porém, a situação piorou nas últimas semanas. “Com meus dois cachorros aconteceram a mesma coisa. Um deles saiu e quando voltou para casa já estava envenenado. A outra, encontramos morta embaixo do carro. Como ela não saiu de casa, achamos que alguém jogou pelo muro um alimento com o veneno”, explica Carlos Alberto Romero, 42 anos.

Os casos foram denunciados a DECAT (Delegacia Especializada de Repressão aos Crimes Ambientais e de Atendimento ao Turista) que está investigando. Ana também entregou a polícia o vídeo que fez para registrar a morte dos cães e da gata.

O post Moradores denunciam casos de envenenamento de cães e gatos apareceu primeiro em Diário Digital.

Últimas