Diário Digital Petrechos ilegais para pesca são apreendidos em embarcações nos rios Pardo e Anhaduí

Petrechos ilegais para pesca são apreendidos em embarcações nos rios Pardo e Anhaduí

Polícia Militar Ambiental (PMA) de Bataguassu (MS) apreendeu petrechos ilegais para pesca, nessa sexta- feira (12) rios Pardo e Anhaduí. A fiscalização teve início na madrugada e abordou 14 embarcações, e 29 pessoas que pescavam legalmente. Segundo informações da PMA, a ação vai continua nos rios para evitar a pesca predatória e, ainda, para retirar […] O post Petrechos ilegais para pesca são apreendidos em embarcações nos rios Pardo e Anhaduí apareceu primeiro em Diário Digital.

Polícia Militar Ambiental (PMA) de Bataguassu (MS) apreendeu petrechos ilegais para pesca, nessa sexta- feira (12) rios Pardo e Anhaduí.

A fiscalização teve início na madrugada e abordou 14 embarcações, e 29 pessoas que pescavam legalmente.

Segundo informações da PMA, a ação vai continua nos rios para evitar a pesca predatória e, ainda, para retirar petrechos ilegais que são armados nos cursos d’água, oferecendo riscos de degradação dos cardumes.

Até às 14 horas de hoje, a equipe retirou dos dois rios 10 anzóis de galho e duas cordas de espinheis, medindo 80 metros no total, cada uma com 20 anzóis.

Os pescadores que armaram os petrechos ilegais não foram localizados e nem identificados.

Impacto ambiental da pesca predatória

Também conhecida como sobrepesca, essa prática ilegal causa impactos como extinção da espécies, desequilíbrio ecológico, colapso dos estoques pesqueiros e impacto socioeconômico sobre populações que dependem da pesca legal para sobreviver.

O post Petrechos ilegais para pesca são apreendidos em embarcações nos rios Pardo e Anhaduí apareceu primeiro em Diário Digital.

Últimas