PMA autua fazendeiro por desmatar área protegida

Uma equipe de Policiais Militares Ambientais de São Gabriel do Oeste, que trabalha na operação icitiofauna, realizava fiscalização ontem (08), à tarde nas propriedades rurais do município de Campo Grande e autuou um proprietário rural por desmatamento de matas ciliares de um córrego (área protegida de preservação permanente – APP) e mais dois desmatamentos ilegais. […] O post PMA autua fazendeiro por desmatar área protegida apareceu primeiro em Diário Digital.

Uma equipe de Policiais Militares Ambientais de São Gabriel do Oeste, que trabalha na operação icitiofauna, realizava fiscalização ontem (08), à tarde nas propriedades rurais do município de Campo Grande e autuou um proprietário rural por desmatamento de matas ciliares de um córrego (área protegida de preservação permanente – APP) e mais dois desmatamentos ilegais.

A PMA flagrou na propriedade inicialmente, a degradação com uso de uma máquina das matas ciliares de um córrego denominado Cachoeira, devido ao aumento de um aterro para a ampliação de uma represa. Seguindo a vistoria na fazenda, foram localizadas mais duas áreas desmatadas separadamente. Os Policiais as mediram com uso de GPS e uma perfez 0,50 hectare e a outra de 1,7 hectare, perfazendo 2,2 hectares. Tudo foi realizado sem autorização do órgão ambiental competente.

O infrator de 68 anos, residente em Campo Grande, foi autuado administrativamente e recebeu multa de R$ 7.190,00. Ele também responderá por crime ambiental. Se condenado, poderá pegar pena de um a três anos de detenção. O autuado foi notificado a apresentar junto ao órgão ambiental um Plano de Recuperação da Área Degradada e Alterada (PRADA).

O post PMA autua fazendeiro por desmatar área protegida apareceu primeiro em Diário Digital.

Últimas