PMA autua infrator em R$ 154 mil

Um proprietário rural responderá por crime ambiental, com pena prevista de um a três anos de detenção e foi autuado administrativamente em R$ 154.000,00 ontem (02), por desmatamento ilegal de área de vegetação nativa de 21,63 hectares, medidos com GPS, dentro do bioma protegido de Mata Atlântica. A autuação ocorreu, quando Policiais Militares Ambientais de Porto Murtinho realizavam […] O post PMA autua infrator em R$ 154 mil apareceu primeiro em Diário Digital.

Um proprietário rural responderá por crime ambiental, com pena prevista de um a três anos de detenção e foi autuado administrativamente em R$ 154.000,00 ontem (02), por desmatamento ilegal de área de vegetação nativa de 21,63 hectares, medidos com GPS, dentro do bioma protegido de Mata Atlântica.

A autuação ocorreu, quando Policiais Militares Ambientais de Porto Murtinho realizavam fiscalização visando ao combate e prevenção à exploração ilegal da flora e verificaram o desmatamento ilegal na propriedade rural do infrator, no município, localizada a 220 km da cidade.

O fazendeiro de 62 anos, residente em Campo Grande, suprimiu a vegetação para o plantio de pastagem e não possuía autorização ambiental para a atividade. A madeira proveniente do desmatamento ainda se encontrava em leiras no local. Ele foi notificado a apresentar um Plano de Recuperação da Área Degradada e Alterada (PRADA) junto ao órgão ambiental estadual.

Este foi o segundo autuado em dois dias. Outro infrator havia sido autuado no dia 1º por desmatamento de 50 hectares de vegetação de Mata Atlântica em outra propriedade no município.

O post PMA autua infrator em R$ 154 mil apareceu primeiro em Diário Digital.

Últimas