Diário Digital Prefeitura segue decreto estadual e toque de recolher começa às 20h

Prefeitura segue decreto estadual e toque de recolher começa às 20h

A Prefeitura de Campo Grande seguirá o decreto publicado pelo Governo do Estado que limita o trânsito de pessoas das 20 horas às 5 da manhã e estabelece medidas mais rígidas no combate à pandemia a partir de domingo. A decisão foi divulgada no fim da tarde desta quarta-feira (10), após o prefeito de Campo […] O post Prefeitura segue decreto estadual e toque de recolher começa às 20h apareceu primeiro em Diário Digital.

A Prefeitura de Campo Grande seguirá o decreto publicado pelo Governo do Estado que limita o trânsito de pessoas das 20 horas às 5 da manhã e estabelece medidas mais rígidas no combate à pandemia a partir de domingo.

A decisão foi divulgada no fim da tarde desta quarta-feira (10), após o prefeito de Campo Grande, Marquinhos Trad, se reunir com representantes do Ministério Público Estadual, Defensoria Pública, Ordem dos Advogados do Brasil, secretários municipais, Câmara de Dirigentes Lojistas, Associação Comercial e Abrasel para definir medidas a serem tomadas no combate à Covid-19.

Durante a reunião que durou horas ficou definido que a Prefeitura de Campo Grande seguirá o decreto publicado pelo Governo do Estado que limita o trânsito de pessoas das 20 horas às 5 da manhã e estabelece medidas mais rígidas no combate à pandemia a partir de domingo.

O prefeito Marquinhos Trad explicou que a Prefeitura vai intensificar ações para aumentar o número de leitos e ampliar as fiscalizações para coibir o desrespeito às regras criadas para combater a Covid-19.

“Que fique bem claro: Nossa preocupação é a vida, sem matar a economia. Diante deste período de alto índice de internação, que preocupa todos nós, tomada de providência e regramentos, com medidas restritivas, são necessárias”, justificou o prefeito Marquinhos Trad.

A Prefeitura de Campo Grande trabalha para ampliar o número de leitos em Campo Grande. Hoje, anunciou a ativação de mais 10 leitos de terapia intensiva no Hospital Adventista do Pênfigo e ampliará mais cinco na Santa Casa amanhã (11).  Nos últimos dias foram abertos 12 leitos de UTI exclusivos para atendimento SUS na Clínica Campo Grande e sete leitos semicríticos para retaguarda no Hospital de Câncer Alfredo Abrão, totalizando 34 novos leitos na Capital.

Veja os principais pontos do decreto publicado nesta quarta-feira:

Toque de recolher, das 20 às 5 horas, em todos os municípios →fica vedada a circulação de pessoas e de veículos, salvo em razão de trabalho, emergência médica ou urgência inadiável;

Durante o horário do toque de recolher poderão funcionar os serviços de saúde, os serviços de transporte, os serviços de alimentação por meio de delivery, as farmácias/drogarias, as funerárias, os postos de gasolinas e as indústrias;

Podem funcionar supermercados e congêneres, não se incluindo lojas de conveniência, ficando expressamente vedado o consumo de gêneros alimentícios e bebidas no local, bem como o acesso simultâneo de mais de uma pessoa da mesma família, exceto nos casos em que for necessário acompanhamento especial;

Aos sábados e domingos, funcionará o regime especial, das 5 às 16 horas. O regime especial não impede o funcionamento dos serviços e das atividades essenciais;

O estabelecimento deverá observar a limitação de atendimento de, no máximo, 50% da sua capacidade instalada e o distanciamento mínimo de 1,5 m entre as pessoas presentes;

Fica proibida a realização de eventos, atividades e festividades, classificados como não essenciais, em espaços públicos ou em espaços privados de acesso ao público ou de uso coletivo;

Recomenda-se que os órgãos e as entidades públicas do Poder Executivo Estadual a adoção do regime excepcional de teletrabalho;

Fica suspensa a realização de cirurgias eletivas pelos hospitais da rede pública estadual e pela rede contratualizada;

Autoriza-se, em caráter excepcional e temporário, a instalação de barreiras sanitárias nos aeroportos e de pontos de fiscalização nas rodovias localizadas no território-sul-mato-grossense,

A fiscalização do cumprimento do disposto neste Decreto será realizada pela Secretaria de Estado de Justiça e Segurança Pública, por intermédio da Polícia Militar Estadual, do Corpo de Bombeiros Militar Estadual e da Polícia Civil, e pela Vigilância Sanitária Estadual, em conjunto e/ou mediante cooperação com as Guardas Municipais e as Vigilâncias Sanitárias Municipais.

O post Prefeitura segue decreto estadual e toque de recolher começa às 20h apareceu primeiro em Diário Digital.

Últimas