Diário Digital Programa de Aquisição de Alimentos vai beneficiar 68 mil pessoas na Capital

Programa de Aquisição de Alimentos vai beneficiar 68 mil pessoas na Capital

A prefeitura, por meio Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico e de Ciência e Tecnologia, publicou na edição de hoje (18) do Diogrande, a relação dos 100 agricultores familiares habilitados para fornecimento ao Programa de Aquisição de Alimentos (PAA). Ao todo serão comprados 123.784,88 toneladas de alimentos que vão beneficiar 23.308 famílias, um total de 68.575 pessoas. […] O post Programa de Aquisição de Alimentos vai beneficiar 68 mil pessoas na Capital apareceu primeiro em Diário Digital.

A prefeitura, por meio Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico e de Ciência e Tecnologia, publicou na edição de hoje (18) do Diogrande, a relação dos 100 agricultores familiares habilitados para fornecimento ao Programa de Aquisição de Alimentos (PAA). Ao todo serão comprados 123.784,88 toneladas de alimentos que vão beneficiar 23.308 famílias, um total de 68.575 pessoas.

Os alimentos adquiridos pela agricultura familiar serão entregues ao Banco de Alimentos e doados às famílias em situação de insegurança alimentar e nutricional, devidamente cadastradas na rede socioassistencial pela Secretaria Municipal de Assistência Social.  Ao todo foram cadastradas 105 entidades, selecionadas pela SAS, pelo Conselho Municipal de Assistência Social.

Este ano o Ministério da Cidadania disponibilizou R$ 650 mil como recurso para ser investido na aquisição de alimentos para o PAA, que contém 61 produtos na lista entre hortifruti, doces, mel e pães.

Dos 100 produtores, 86 (53 homens e 33 mulheres) são de Campo Grande, sendo 85 produtores convencionais que entregarão quase 110 mil quilos de alimentos num total pouco acima de R$ 552 mil reais; e 1 produtor de orgânicos, que entregará durante a vigência do programa, 717 quilos de alimento para receber R$ 6.495,41.

A liberação desse valor contribui com a manutenção destas famílias com a garantia de uma renda certa, ajudando as mesmas a permanecerem na atividade de produção de alimentos. Contribui também para estimular a qualificação dos sistemas de produção, com a orientação técnica nos processos que inicia no plantio e termina na comercialização.

Outros municípios - Verificada a insuficiência de propostas dos munícipes locais, e observada a disponibilidade de recurso financeiro, foi aberto prazo para admissão de propostas de produtores de municípios vizinhos à Capital. Dessa forma, foram recebidas propostas de 14 agricultores (8 homens e 6 mulheres) dos municípios de Jaraguari, Ribas do Rio Pardo, Sidrolândia e Terenos.

Desses 14 agricultores, 2 são produtores de orgânicos e 12 da agricultura convencional. Os produtores de orgânicos entregarão pouco mais de 1.700 quilos de receberão R$ 12.988,60. Os convencionais se comprometeram a entregar pouco mais de 12.290 quilos para receber R$ 77.992,19.

O PAA Municipal é desenvolvido por meio da Sedesc, em parceria com o Ministério da Cidadania (Secretaria Especial do Desenvolvimento Social) e SAS. A relação com os 100 produtores habilitados está na edição de hoje do Diogrande: https://diogrande.campogrande.ms.gov.br

O post Programa de Aquisição de Alimentos vai beneficiar 68 mil pessoas na Capital apareceu primeiro em Diário Digital.

Últimas