Diário Digital Salário de janeiro atrasa e trabalhadores cruzam os braços

Salário de janeiro atrasa e trabalhadores cruzam os braços

Cerca de 4 mil funcionários da Santa Casa estão com salário do mês de janeiro atrasado. Nesta terça-feira eles fizeram uma mobilização no saguão do hospital para protestar contra a falta de pagamento. O salário, que deveria ter sido pago no 5º dia útil, ou seja, na última sexta-feira (5), ainda não foi quitado. Com […] O post Salário de janeiro atrasa e trabalhadores cruzam os braços apareceu primeiro em Diário Digital.

Cerca de 4 mil funcionários da Santa Casa estão com salário do mês de janeiro atrasado. Nesta terça-feira eles fizeram uma mobilização no saguão do hospital para protestar contra a falta de pagamento. O salário, que deveria ter sido pago no 5º dia útil, ou seja, na última sexta-feira (5), ainda não foi quitado.


Com a falta de pagamento, cerca de 250 profissionais de diversas categorias cruzaram os braços segundo o presidente do SintesaúdeMS, Osmar Gussi. O atendimento permanece com a manutenção da escala de 30% dos funcionários trabalhando, como estabelece a legislação. " Só vamos voltar quando pagamento estiver na conta. Não é justo com o trabalhador que trabalhou o mês inteiro não receber seu salário", ressalta.

Diário Digital

Diário Digital

Diário Digital
Presidente SinteSaúdeMS afirma que o pagamento era para ter sido feito na sexta-feira (Foto: Luciano Muta)


O presidente da SIEMS, sindicato que representa os trabalhadores da área de enfermagem, Lázaro Santana, destacou que a situação é considerada um descaso. " Os profissionais não aguentam mais esse descaso. Se dedicam o mês inteiro e quando inicia o mês precisam prover o lar, pagar suas contas. É um direito garantido por lei e pelos instrumentos coletivos", critica.


Roseli Carvalho Secretária-Geral do Siems (Sindicato dos Trabalhadores na Área de Enfermagem de Mato Grosso do Sul), explicou que a categoria só vai sair dali depois que receber o salário. " Sempre quando a atrasados nos pagamentos colocam a culpa na prefeitura, somos mais de 100 enfermeiros protestando aqui fora por nossos direitos", ressalta.


A assessoria da Santa Casa explicou à equipe do Diário Digital que não há paralisação, somente manifestação de alguns funcionários convocados por sindicatos. Assessoria confirmou que o pagamento do salário está atrasado, porque a Prefeitura de Campo Grande não repassou os recursos estabelecidos pelo valor contratual. Ontem (8), a prefeitura tinha se manifestado afirmando que faria o pagamento, mas por problema no sistema o pagamento foi adiado.

Diário Digital

Diário Digital

Diário Digital
Profissionais só voltam a trabalhar quando receberem o pagamento (Foto Luciano Muta)

O post Salário de janeiro atrasa e trabalhadores cruzam os braços apareceu primeiro em Diário Digital.

Últimas