Diário Digital Vacina Coronavac será testada em profissionais da saúde voluntários

Vacina Coronavac será testada em profissionais da saúde voluntários

Foi assinado o termo de cooperação técnica para os testes da vacina Coronavac contra o novo coronavírus em Mato Grosso do Sul pelo secretário de Estado de Saúde, Geraldo Resende e a pesquisadora Ana Lúcia Lyrio, que conduz o estudo da imunização no Estado. A vacina estará disponível em Janeiro de 2021. Além da pesquisadora, […] O post Vacina Coronavac será testada em profissionais da saúde voluntários apareceu primeiro em Diário Digital.

Foi assinado o termo de cooperação técnica para os testes da vacina Coronavac contra o novo coronavírus em Mato Grosso do Sul pelo secretário de Estado de Saúde, Geraldo Resende e a pesquisadora Ana Lúcia Lyrio, que conduz o estudo da imunização no Estado. A vacina estará disponível em Janeiro de 2021.

Além da pesquisadora, o estudo será conduzido também por Rivaldo Venâncio. O termo tem como parceira, o Hospital da Universidade Federal de Mato Grosso do Sul. A decisão tem como parceira, o Hospital da Universidade Federal de Mato Grosso do Sul. A solenidade foi realizada nesta quinta-feira, 15 de Outubro, na Secretaria do Estado de Saúde (SES), em Campo Grande (MS).

A testagem será em um grupo de mil voluntários, todos profissionais de saúde pública ou privada. Entre as idades de 18 anos e 59 anos, 11 meses e 29 dias. A pessoa já pode ter contraído o vírus. Serão preparadas duas doses com o intervalo de 14 dias de uma para outra.

Diário Digital

Diário Digital

Diário Digital
(Foto: Marco Miatelo)
Diário Digital

Diário Digital

Diário Digital
(Foto: Marco Miatelo)
Diário Digital

Diário Digital

Diário Digital
(Foto: Marco Miatelo)
Diário Digital

Diário Digital

Diário Digital
A pesquisadora Ana Lúcia e o secretário do Estado de Saúde, Geraldo Resende
(Foto: Marco Miatelo)

Na quarta-feira (14), foi feita uma vídeo-conferência com todos os secretários Estaduais de Saúde, juntamente como o secretário executivo do Ministério da Saúde, para discorrer sobre como está sendo o processo das várias vacinas que já estão em teste em todo o mundo. "Nossos estudos tem como objetivo, trazer uma vacina com maior eficaz. Estamos na fase três e, analisando qual delas podem ser disponibilizadas para a população quanto mais cedo possível".

"Sabemos que o Governo Federal fechou uma parceria com a Universidade Oxford através da Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) que está realizando a testagem e, já está fazendo a compra da vacina para que seja produzida na própria instituição. E o Governo do Estado de São Paulo com conjunto Instituto Butantan está em sociedade ao Laboratório Chinês Sinovac Biotech para a vacina Coronavac. Contudo, o termo assinado hoje, é para que o Mato Grosso do Sul entre para o grupo como os outros estados, que irão contribuir para a testagem de vacinas", esclareceu Geraldo.

O secretário discorreu também que acredita que a vacina Coronavac está mais adiantada do que as outras. "No bate-papo que tivemos ontem, o secretário do Estado de São Paulo afirmou que em 15 dias devem ser finalizadas a parte desta pesquisa em algumas unidades de federação, no qual, nós iremos contribuir. A vacinação irá poder ser disponível para a população brasileira no mês de Janeiro de 2021. Estamos nesse esforço, mas estamos bem adiantados".

Durante a coletiva de imprensa, Geraldo Resende deixou claro que a compra e a distribuição não apenas da vacina, mas como os outros insumos da população do Estado, será comandada pelo Ministério de Saúde dentro do programa Programa Nacional de Imunização (PNI). Com a intenção de não enfraquecer o sistema de saúde. "Nós precisamos manter a unidade de saúde do Mato Grosso do Sul", enfatizou.

Diário Digital

Diário Digital

Diário Digital
(Foto: Marco Miatelo)
Diário Digital

Diário Digital

Diário Digital
(Foto: Marco Miatelo)
Diário Digital

Diário Digital

Diário Digital
(Foto: Marco Miatelo)
Diário Digital

Diário Digital

Diário Digital
(Foto: Marco Miatelo)

A pesquisadora Ana Lúcia informou que nesta terceira fase, só será possível ser voluntários aquelas pessoas que não tenham comorbidades. "Posteriormente, ocorrendo tudo bem nesse período, será incluído novas pessoas acima de 60 e com comorbidades".

Por fim, o secretário de Saúde declarou que Mato Grosso do Sul firmou o contrato com o Butatan. "Além disso, já fizemos o termo com a Gance e no dia 19 de Outubro, será com a vacina BCG. E, temos a sinalização da possibilidade de fazer a pesquisa no Laboratório Sanofi".

Diário Digital

Diário Digital

Diário Digital
(Foto: Marco Miatelo)
Diário Digital

Diário Digital

Diário Digital
(Foto: Marco Miatelo)
Diário Digital

Diário Digital

Diário Digital
(Foto: Marco Miatelo)
Diário Digital

Diário Digital

Diário Digital
(Foto: Marco Miatelo)
Diário Digital

Diário Digital

Diário Digital
(Foto: Marco Miatelo)

O post Vacina Coronavac será testada em profissionais da saúde voluntários apareceu primeiro em Diário Digital.

Últimas