Novo Coronavírus

Cidades Em colapso, RS prorroga bandeira preta e SC transfere pacientes

Em colapso, RS prorroga bandeira preta e SC transfere pacientes

Sem leitos de UTI, Santa Catarina quer transferir 16 pacientes em estado crítico para Vitória, no Espírito Santo

  • Cidades | Do R7, com informações da Record TV

Grupo fez o
ração em muro de hospital

Grupo fez o ração em muro de hospital

Reprodução/Record TV

A região sul é uma das que mais está sofrendo com o caos na saúde causado pelo aumento de internações por covid-19. Nesta quinta-feira (4), o Rio Grande do Sul prorrogou o período de restriçao máxima, a chamada bandeira preta, enquanto Santa Catarina começou a transferir pacientes para outros Estados.

Na cidade catarinense de Chapecó, um grupo de pessoas ajoelhadas cercou o muro de um hospital para orar por parentes que estão internados. Cenas semelhantes aconteceram no município vizinho de Xaxim.

Em duas regiões do Estado catarinense, incluindo a Grande Florianópolis, não existem mais leitos de UTI vagos. Nas outras, a ocupação já passa de 98%.

Nesta quinta-feira, um avião do Corpo de Bombeiros fez o transporte de mais um paciente para o Espírito Santo. A expectativa é de que outas 16 pessoas em estado crítico também sejam transferidas para hospitais de Vitória.

Já no Rio Grande do Sul, a situação crítica levou o governo a prorrogar a bandeira preta em todo Estado, e agora sem data definida para acabar. Desde a última terça-feira (2), os hospitais gaúchos estão com todas as vagas de UTI ocupadas. Além disso, são sucessios recordes de mortes, chegando a 188 vidas perdades entre quarta e quinta-feira — o maior número desde o início da pandemia.

Últimas