Cidades Erro em cálculo faz Estado distribuir 10.520 doses a mais de vacina contra Covid para João Pessoa

Erro em cálculo faz Estado distribuir 10.520 doses a mais de vacina contra Covid para João Pessoa

O secretário de Estado da Saúde, Geraldo Medeiros, reconheceu, em ofício enviado ao Conselho de Secretarias Municipais de Saúde da Paraíba (Cosems-PB), que João Pessoa recebeu 10.520 doses de vacina contra Covid-19 a mais do que deveria. Leia o ofício na íntegra. Segundo o texto, um equívoco no entendimento de uma decisão do Tribunal Regional […]

Portal Correio
Portal Correio

Portal Correio

Portal Correio
Foto: Divulgação

O secretário de Estado da Saúde, Geraldo Medeiros, reconheceu, em ofício enviado ao Conselho de Secretarias Municipais de Saúde da Paraíba (Cosems-PB), que João Pessoa recebeu 10.520 doses de vacina contra Covid-19 a mais do que deveria. Leia o ofício na íntegra.

Segundo o texto, um equívoco no entendimento de uma decisão do Tribunal Regional Federal da 5ª Região (TRF5) provocou um erro de cálculo na hora de distribuir imunizantes. A determinação dizia que 6% das doses encaminhadas à Capital deveria ser destinada aos trabalhadores de saúde. No entanto, o cálculo dos 6% teria sido feito sobre o número total de profissionais da linha de frente.

No ofício, Geraldo Medeiros informa que o erro afetou a distribuição de vacinas em quatro ocasiões, a partir da 5ª remessa. Em cada uma delas, a Capital recebeu 2.630 doses a mais. O secretário de Estado da Saúde assegurou que vai tomar medidas cabíveis para que os demais municípios sejam compensados.

“As deduções das vacinas referentes ao município de João Pessoa com as consequentes compensações aos demais municípios serão realizadas na 10ª e 11ª remessas, ou seja, serão realizados os abatimentos e as redistribuições no percentual de 50% das doses excedentes nas duas próximas remessas, garantindo, assim, uma distribuição equitativa em todo o território paraibano”, escreveu Geraldo Medeiros.

O secretário de Estado da Saúde garantiu, também, que as compensações serão realizadas sem que o público-alvo já vacinado em João Pessoa seja prejudicado.

Últimas