Cidades Estado divulga guia de segurança sanitária para Dia de Finados

Estado divulga guia de segurança sanitária para Dia de Finados

Dentre os protocolos sanitários do ‘Plano Novo Normal PB’, o Governo do

Portal Correio

Dentre os protocolos sanitários do ‘Plano Novo Normal PB’, o Governo do Estado emitiu um guia que reúne orientações sobre as medidas de segurança necessárias para o Dia de Finados, celebrado no próximo dia 2 de novembro. O das, causador da Covid-19.

Leia também:

Conheça os tipos de vacina contra Covid-19 desenvolvidos no mundo

Trabalhadores/visitantes

Para trabalhadores e visitantes dos cemitérios, o guia aconselha primeiramente que se mantenha a distância social mínima de 1,5 metro. Pessoas com febre, tosse, congestão nasal, coriza, dor de garganta, fadiga, cansaço, diarreia e difi­culdade de respirar devem evitar ir para os cemitérios ou celebrações religiosas. A progressão dos sintomas indica que se deve procurar com urgência um atendimento médico.

O material incentiva que evitem a ida aos cemitérios e às celebrações religiosas pessoas dos grupos de risco (idade igual ou superior a 60 anos; cardiopatias graves ou descompensados; insuficiência cardíaca; cardiopatia isquêmica; pneumopatias graves ou descompensados; asma moderada/grave; DPOC; doenças renais crônicas em estágio avançado – graus 3, 4 e 5; diabetes mellitus, conforme juízo clínico; doenças cromossômicas com estado de fragilidade imunológica; gestação e puerpério; pessoas com deficiências cognitivas físicas; estados de imunocomprometimento, devido ao uso de medicamentos ou doenças, incluindo os portadores de HIV/AIDS e neoplasias; doenças neurológicas; de acordo com o Ministério da Saúde).

Visitantes

Ainda para os visitantes, o guia recomenda que levem garrafas com água e sabão ou álcool em gel para limpar as mãos ao entrar e sair do ônibus/transporte e no cemitério. É importante lembrar que ao tocar em superfícies as mãos podem ser contaminadas. É recomendável a permanência no local por curto período.

Gestões municipais

O Estado aconselha às prefeituras que realizem acompanhamento contínuo da vigilância sanitária municipal, secretaria de infraestrutura, limpeza urbana e guarda municipal para monitoramento e cumprimento das medidas recomendadas.

Devem também fazer credenciamento prévio, controle sanitário dos ambulantes e dar orientações específi­cas de prevenção à Covid-19, demarcando pontos para os vendedores considerando o distanciamento mínimo de 1,5 metro.

Igrejas

Às igrejas a orientação é para que não realizem celebrações ou encontros nas capelas dos cemitérios. Devem aumentar a quantidade de celebrações nas paróquias, salvaguardando todas as recomendações sanitárias já divulgadas.

Cemitérios e criptas

O documento divulga ainda recomendações para a administração dos cemitérios e criptas, como proibir acesso de funcionários, visitantes e ambulantes sem o uso de máscara, sendo obrigatório o uso permanente dela no cemitério, seguindo as orientações gerais para máscaras faciais de uso não profissional da Anvisa.

Precisam disponibilizar estação para higienização das mãos com água, detergente e papel toalha para funcionários, visitantes e ambulantes.

Recomenda-se aos cemitérios se estruturarem para abertura prévia em comemoração do Dia de Finados, anterior e posterior à data 2 de novembro, para evitar aglomeração.

Saiba mais sobre o coronavírus na cobertura do Portal Correio

Confira gráficos e números do coronavírus na Paraíba Veja aqui as últimas notícias sobre o novo coronavírus Doações ajudam afetados pela pandemia; saiba como colaborar Saiba como se proteger e onde ter atendimento para coronavírus Coronavírus: Especialista orienta sobre uso de máscaras caseiras Acompanhe aqui a situação dos leitos no estado

Últimas