Folha Vitória 2021: Sedu divulga prazos e regras para pedidos de matrícula, rematrícula e transferências

2021: Sedu divulga prazos e regras para pedidos de matrícula, rematrícula e transferências

O governador do Estado, Renato Casagrande, ressaltou que no ano que vem, a presença dos estudantes nas escolas estaduais será obrigatória, respeitando-se o protocolo de revezamento

Folha Vitória
Foto: TV Vitória
Folha Vitória

Folha Vitória

Folha Vitória

Pais e responsáveis por estudantes da rede estadual poderão, a partir desta quarta-feira (18), realizar pedidos de matrículas, rematrículas e transferências de escolas para o ano letivo de 2021. O anúncio da Chamada Pública foi feito pelo governador Renato Casagrande e pelo secretário de Educação Vitor de Ângelo, em pronunciamento online, na manhã de hoje.

O prazo para o pedido de rematrícula e transferências internas vai desta quarta-feira (18) até o dia 9 de dezembro. Para solicitação de pré-matrícula, o prazo será do dia 10 ao dia 28 de dezembro.

De acordo com o calendário, a previsão é de que no dia 11 de janeiro de 2021 sejam divulgados os resultados da rematrícula, pré-matrícula e transferência interna. 

A partir do dia 12 de janeiro, até o dia 15 do mesmo mês, os alunos vão efetivar a matrícula. E do dia 26 de janeiro ao dia 2 de fevereiro, haverá o chamamento dos alunos que ficaram na lista de suplência.

Os pedidos de matrícula e dos outros serviços deverá ser feito pela internet (https://sedu.es.gov.br/) pelo aluno, caso tenha mais de 18 anos, ou por seu responsável. 

Um passo a passo para realização das solicitações, contendo toda documentação necessária, foi divulgado no portal da Secretaria de Educação. Confira! Caso a pessoa não tenha acesso a internet, a orientação é consultar a secretaria escolar de sua unidade.

O secretário de educação lembrou ainda que no ano que vem, para efetivação da matrícula, será obrigatório o registro do número do Cadastro Nacional de Pessoas Físicas (CPF) do estudante, junto com o CPF de seu responsável, no formulário de inscrição da Chamada Pública Escolar.

Presença obrigatória 

Durante o pronunciamento, o governador do Estado, Renato Casagrande, ressaltou que em 2021 a presença dos estudantes nas escolas estaduais será obrigatória, respeitando-se o protocolo de revezamento semanal de turmas (50% presencial e 50% em ensino remoto).

Casagrande também reforçou que enquanto uma vacina segura não estiver disponível, alunos e servidores da educação, bem como toda sociedade, terão de conviver com as normativas sanitárias e de distanciamento.

4º ano do Ensino Médio

A secretaria de Educação também anunciou a criação de um 4º ano do Ensino Médio para os estudantes que se sentiram pedagogicamente prejudicados por conta da pandemia.

Os alunos que cursaram o 3º ano do Ensino Médio em 2020, terão a opção de cursar mais um ano durante 2021, para reforçar os conteúdos que não foram totalmente assimilados e, segundo o secretário de educação, também será uma forma de se preparar melhor para o Enem no final do ano. A ideia, de acordo com Vitor, é abrir turmas no maior número de cidades possíveis.

Últimas