Folha Vitória 80 anos do Grupo Buaiz será tema de palestra para jovens lideranças empresariais do ES

80 anos do Grupo Buaiz será tema de palestra para jovens lideranças empresariais do ES

Os projetos implementados pela empresa capixaba, além da trajetória de sucesso de Americo Buaiz Filho, são alguns dos temas que serão abordados no evento, exclusivo para associados

Folha Vitória
Foto: Camilla Baptistin
Folha Vitória

Folha Vitória

Folha Vitória

Os 80 anos do Grupo Buaiz, uma das maiores e mais tradicionais holdings do Espírito Santo, será o tema de uma palestra ministrada por Americo Buaiz Filho, presidente do grupo, no Instituto Líderes do Amanhã. O evento, exclusivo para associados, será realizado na noite desta segunda-feira (21).

Os projetos implementados pela Buaiz Alimentos — um dos braços do grupo e que atua na fabricação de farinha de trigo, café e mistura para bolos —, além da trajetória de sucesso de Americo, são alguns dos temas que serão abordados.

O presidente do Líderes do Amanhã, Márcio Zaganelli, explica que a palestra faz parte do ciclo de formação dos associados, que tem como objetivo estimular o desenvolvimento de lideranças no Estado. Para ele, Americo Buaiz Filho tem muito a contribuir na formação dos futuros líderes.

"A gente busca inspiração e, principalmente, aprendizado de pessoas que já passaram por muita coisa ao longo da trajetória, para agregar em nossa formação. Na palestra com Americo, vamos abordar a trajetória dele, a formação cultural do Grupo Buaiz, além de temas como liderança, gestão, os impactos da pandemia e visão de futuro", conta Márcio. 

Atualmente, o Instituto Líderes do Amanhã - que reúne alguns dos mais destacados executivos e empresários do Estado - conta com cerca de 150 associados, sendo aproximadamente 90 ainda em processo de formação, que conta também com cursos, estudo de livros, júri simulado e seminário universitário.

"Nós buscamos formar os nossos associados e um dos pilares são as palestras, onde convidamos pessoas que vão abordar temáticas que entendemos que faz sentido para esta formação. Dentro da perspectiva de gestão, a gente entende que o Americo tem bastante a agregar", explica. 

História de 80 anos do Grupo Buaiz

Americo Buaiz Filho destacou a importância dos jovens gestores conhecerem a trajetória de sucesso do Grupo Buaiz, para ajudá-los em sua formação.

"Fui convidado pelo instituto para dar essa palestra e eles me deram a liberdade de escolher o tema a ser abordado. Escolhi os 80 anos do Grupo Buaiz, já que considero que é uma história importante a ser compartilhada com esses jovens, que estão iniciando sua trajetória como empreendedores", ressaltou o presidente do grupo. "A ideia é fazê-los conhecer como a empresa começou, lá em 1941, e chegou ao que ela é hoje. Vai ser uma troca interativa e pretendo passar a eles ideias sobre gestão, estratégia de negócio, falar dos impactos da pandemia, entre outros assuntos", completou.

Investimentos

Prestes a completar 80 anos, a Buaiz Alimentos  planeja ampliar a eficiência e a produtividade, com modernização de estruturas e investimentos em novas áreas para futuras expansões. Ao todo, estão previstos investimentos na ordem de R$ 5 milhões.

Uma das novidades é a aquisição de um terreno de 3 mil metros quadrados, onde funcionava a Technip em Vila Velha, localizado próximo ao Centro de Distribuição de São Torquato.

A estratégia, segundo a empresa, é ampliar sua capacidade de armazenamento e de estoque de matéria-prima, além de ser um local para abrigar novos negócios. O espaço tem capacidade para armazenar até 1,5 mil toneladas de produtos e está operando desde março.

Segundo a diretora-geral e vice-presidente da Buaiz Alimentos, Eduarda Buaiz, a compra do terreno está inserida em um projeto mais amplo, com ações de médio e longo prazo, mas também em uma operação já iniciada, que busca implementar melhorias em toda a operação logística da empresa.

“O crescimento sustentável da Buaiz Alimentos segue ancorado em um planejamento de longo prazo, que permitirá a implantação de novos projetos, com foco na conquista de diferentes mercados e frentes de trabalho”, afirma.

Últimas