Folha Vitória Agente da Guarda de Vitória mata esposa grávida enquanto limpava arma dentro de casa

Agente da Guarda de Vitória mata esposa grávida enquanto limpava arma dentro de casa

Segundo a Policia Civil, a vítima, identificada como Carolina Ferraz Scalfoni, que estava grávida de quatro meses, foi atingida por um tiro no abdomen

Folha Vitória
Foto: Reprodução/Arquivo Pessoal
Folha Vitória

Folha Vitória

Folha Vitória

Uma mulher grávida morreu depois de ser atingida por um disparo acidental, na tarde desta quinta-feira (02). Segundo a polícia, o marido da vítima, que é agente da Guarda Municipal de Vitória, fazia a limpeza da arma quando ocorreu o tiro. A mulher foi socorrida ao hospital, mas não resistiu.

O fato aconteceu em um apartamento que fica no nono andar de um prédio, na Praia de Itaparica, em Vila Velha. A Polícia Civil disse que o homem fazia a limpeza da arma em um escritório quando houve o disparo, que atingiu a mão do agente e também acertou a esposa que estava no local.

A Policia Militar foi acionada. Na portaria do prédio, tinha também uma viatura da Guarda Municipal de Vitória. A perícia ainda informou que o local do acidente foi preservado para o trabalho dos agentes.

A arma e a cápsula foram recolhidas para serem analisadas. Segundo a Policia Civil, a vítima, identificada como Carolina Ferraz Scalfoni, que estava grávida de quatro meses, foi atingida por um tiro no abdomen.

Uma âmbulancia chegou a ser acionada para o socorro. A mulher chegou a ser levada para um hospital de Vila Velha, mas não resistiu e morreu na unidade. 

*Com informações do repórter Fábio Gabriel, da TV Vitória/Record TV

Últimas