Folha Vitória Aprenda o passo a passo para pedir o seguro DPVAT pelo aplicativo

Aprenda o passo a passo para pedir o seguro DPVAT pelo aplicativo

O DPVAT é o seguro obrigatório que ampara as vítimas de acidentes de trânsito em todo o território nacional, seja motorista, passageiro ou pedestre

Folha Vitória
Foto: Folha Vitória
Folha Vitória

Folha Vitória

Folha Vitória

Acidentes com motos são os que mais deixam sequelas no trânsito brasileiro. Só no ano passado, foram pagas 175 mil indenizações por invalidez permanente envolvendo motociclistas, de acordo com os dados do seguro DPVAT (Danos Pessoais por Veículos Automotores Terrestres). Trata-se de um número de indenizações cinco vezes maior que o de acidentes de carro.

Desde janeiro, a Caixa Econômica Federal passou a fazer a gestão dos recursos e do pagamento das indenizações do DPVAT. Para facilitar o processo foi lançado o App DPVAT, que permitirá o upload dos documentos e o acompanhamento da solicitação de indenização.

As indenizações são pagas individualmente e não dependem de quem foi o culpado pelo acidente. O valor é pago em casos de morte, invalidez permanente total ou parcial e para reembolso de despesas médicas e hospitalares da rede privada por danos físicos.

Uma forma de solicitar o seguro e acompanhar o pedido é pelo aplicativo do celular Seguro DPVAT, lançado no começo deste ano. O recurso está disponível para celulares com sistema operacional Android, do Google, na Google Store e também para iPhones, da Apple, na App Store.

Siga o passo a passo para aprender como usar o app Seguro DPVAT:

O DPVAT é o Seguro obrigatório que dá direito a indenização às vítimas de acidentes de trânsito. A pessoa que foi vítima de uma colisão ou de um atropelamento, por exemplo, pode utilizar o celular para solicitar o seguro e para acompanhar o pedido. 

Veja o tutorial para aprender como fazer isso

> O primeiro passo para acessar o aplicativo "Seguro DPVAT" é fazer o download. Os usuários de celulares com sistema operacional Android, do Google, devem acessar a Google Play. Quem utiliza iPhone, deve acessar a App Store para baixar a ferramenta

> Após fazer o download, toque sobre o ícone do "Seguro DPVAT" para abrir e depois toque no botão "Quero cadastrar ou acompanhar meu pedido". Em seguida será exibido os termos de uso do app e é necessário ler e concordar antes de seguir

> Na tela seguinte, toque no botão "meu primeiro acesso"

> O aplicativo irá exibir uma ficha cadastral que pedirá nome completo, CPF, data de nascimento, e-mail, número de celular e endereço completo

> O aplicativo irá exibir uma ficha cadastral que pedirá nome completo, CPF, data de nascimento, e-mail, número de celular e endereço completo

> Após essa confirmação, é o momento de criar a senha de acesso. O aplicativo exige que tenha de 4 até 11 dígitos e que misture números e letras

> Ao concluir a fase de cadastro, é possível começar com o pedido de seguro, basta clicar no botão "novo pedido"

> Selecione qual é o tipo de indenização desejada: reembolso por despesas médicas, indenização por invalidez permanente, indenização por invalidez permanente e despesas médicas e indenização por morte

> A próxima tela irá perguntar se quem está fazendo o pedido é a vítima ou um representante legal, toque sobre o item para selecionar

> A próxima tela irá perguntar se quem está fazendo o pedido é a vítima ou um representante legal, toque sobre o item para selecionar

> Também será preciso fornecer informações sobre o acidente, como local e tipo do veículo

> Para finalizar, tire uma foto com o próprio celular com dos documentos do sinistro e dos documento pessoais

> Os documentos do sinistro são: documentação médico-hospitalar, boletim de ocorrência, Laudo do IML e declaração de inexistência de IML. Basta tocar no desenho com uma seta para incluir no aplicativo o documento necessário ou tocar no desenho de uma máquina fotográfica para tirar uma foto e enviar

> No caso dos documento pessoais é necessário enviar autorização do pagamento e comprovante de residência

> No caso dos documento pessoais é necessário enviar autorização do pagamento e comprovante de residência.

FONTE: Portal R7

Últimas