Folha Vitória Assaltos em transportes públicos se tornam frequentes na Grande Vitória

Assaltos em transportes públicos se tornam frequentes na Grande Vitória

Em um dos casos, o criminoso chegou a colocar uma faca na barriga de uma passageira e ameaçou esfaqueá-la se não entregasse o celular

Folha Vitória
Foto: Iures Wagmaker / Folha Vitória
Folha Vitória

Folha Vitória

Folha Vitória

Na última sexta-feira (18), mais um ônibus do sistema Transcol foi alvo de criminosos. Desta vez, o crime aconteceu na Avenida Norte Sul, uma das mais movimentadas da Serra. Um dos criminosos estava armado no momento da abordagem.

A ação aconteceu por volta de meia noite, enquanto o ônibus passava próximo a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) de Carapina, ao lado do Terminal Carapina. Segundo informações da Polícia Militar, o ônibus da linha 572 estava indo em direção ao Terminal Laranjeiras e quando passou pela região da UPA, dois homens que estavam entre os passageiros anunciaram o assalto.   

Um dos criminosos estava armado e, juntos, roubaram os celulares de todos os passageiros do coletivo, fugindo em seguida. A região em que o crime aconteceu é pouco movimentada durante a noite e o fluxo de veículos diminui bastante. A polícia fez buscas pelo local, mas nenhum suspeito foi encontrado.

Esse tipo de crime tem se tornado comum para passageiros e motoristas dos transportes coletivos na Grande Vitória. Casos semelhantes também foram registrados nos últimos dias em Vitória e Vila Velha. 

No início da semana, quatro assaltantes roubaram os passageiros que estavam na linhas 559, próximo ao Parque Moscoso. Os criminosos fingiram se passar por passageiros, e após anunciarem o assalto levaram os celulares das vítimas. Outra ocorrência também no Transcol foi em Vila Velha, no momento em que o ônibus passava pelas Cinco Pontes, um ladrão que se passou por passageiro anunciou o assalto. Desta vez, quatro pessoas tiveram os celulares roubados.

Um caso mais grave aconteceu há 10 dias e foi na linha 024 do sistema municipal de Vila Velha. Enquanto o ônibus passava pela avenida principal do bairro Ulisses Giimarães, o assaltante entrou no coletivo, pulou a roleta e colocou uma fava no pescoço do cobrador. No momento da ameaça, a vítima entregou os R$ 50 que estavam no caixa. Não satisfeito, o criminoso foi em direção a uma passageira, colocou a faca na barriga da mulher e ameaçou esfaqueá-la se não entregasse o celular.

O assaltante tentou fugir por uma das ruas mas a mulher que teve o celular roubado gritou que tinha sido assaltada e assim que viram a cena, os moradores que passavam pela rua foram em direção ao criminoso. O homem foi imobilizado e agredido até a chegada da polícia.

* Com informações do repórter Matheus Brum, da TV Vitória/Record TV.

Últimas