Folha Vitória Assassino de vendedora em Marechal Floriano é condenado a 17 anos e 6 meses de prisão

Assassino de vendedora em Marechal Floriano é condenado a 17 anos e 6 meses de prisão

Apontado pelo Ministério Público como o autor do homicídio, Otaviano Roseno de Sousa matou a vizinha, Lorrany Walder Falcão, em junho do ano passado

Folha Vitória
Foto: Reprodução / Facebook
Folha Vitória

Folha Vitória

Folha Vitória
Lorrany Walder Falcão foi morta por asfixia e um corte profundo no pescoço

Apontado pelo Minist´ério `Público Estadual como autor do homicídio da vendedora Lorrany Walder Falcão, Otaviano Roseno de Sousa, 34 anos, foi condenado a 17 anos e 6 meses em julgamento concluído na noite da última terça-feira (15). A vítima, de 33 anos, foi morta em Marechal Floriano, no dia 23 de junho de 2020. 

O crime chocou a cidade da região serrana pelos requintes de crueldade. A vítima, além de ter sido asfixiada sofreu um corte profundo no pescoço. 

Segundo o inquérito policial, Sousa morava no mesmo prédio de Lorrany. Ele vivia no andar inferior ao dela e foi flagrado saindo do pavimento onde apenas a vítima habitava. 

A investigação concluiu que o acesso ao apartamento se deu por meio do apartamento vizinho, que estava em construção. Os únicos que tinham as chaves desse imóvel eram a vítima e o criminoso.

Morta enquanto dormia

Ao entrar no apartamento, Sousa aproveitou que a moça dormia e a asfixiou. Lorrany foi encontrada morta apenas no dia seguinte. Ela também estava bastante machucada com diversas lesões na face e com corte no pescoço.

Nas alegações pela condenação, o crime dificultou e impossibilitou a defesa da vendedora, que estava dormindo.

A polícia chegou ao autor por meio de imagens do sistema de videomonitoramento do edifício.

O condenado foi sentenciado com base no artigo 121 com as implicações da Lei nº 8.072/90.

Leia também: Inquérito da Polícia Civil aponta que vizinho matou vendedora em Marechal Floriano

Últimas