Folha Vitória Atestado comprova que menino de 8 anos morreu após sofrer série de agressões

Atestado comprova que menino de 8 anos morreu após sofrer série de agressões

A família afirma que o padrasto do garoto é o principal suspeito do crime

Folha Vitória
Foto: Reprodução TV Vitória
Folha Vitória

Folha Vitória

Folha Vitória

O atestado de óbito do pequeno Paulo Antônio Marinho, de apenas oito anos, foi expedido nesta quarta-feira (07). O documento mostra que a morte do menino aconteceu devido a uma série de agressões

O crime aconteceu na última sexta-feira (02) no Morro do Romão, em Vitória, e para a família, o principal suspeito é o padrasto do garoto, que está desaparecido desde o dia da morte.

No atestado, a causa da morte é apontada como politraumatismo, ação contundente e traumatismo. Segundo informações da Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) de Vitória, no dia da morte, a mãe de Paulo teria saído de casa para levar o filho mais novo, de cinco anos, ao hospital.

Relembre o caso

Enquanto a mãe estava no hospital com o filho mais novo, Paulo Antônio estava em casa dormindo na companhia do padrasto. No momento em que a mãe da criança chegou em casa, encontrou o menino com marcas de agressões pelo corpo, além de cortes e mordidas.

Assustada com a situação, a mulher ligou para o Samu e a criança foi levada para um hospital. Porém, ele não resistiu e acabou morrendo. Paulo teve uma parada cardiorrespiratória.

Leia também: Enterrado menino de 8 anos que deu entrada em hospital de Vitória com sinais de agressão

A família acredita que o principal suspeito do crime é o padrasto da criança. O homem convivia na casa há apenas seis meses e desde o dia da morte de Paulo, ele não foi mais visto, nem pela família da criança e nem pela polícia.

Moradores da região afirmam que o padrasto do menino já estaria morto. Testemunhas contaram que criminosos do Romão não aceitaram a situação e teriam assassinado o homem, mas a polícia ainda não confirmou essa versão.

* Com informações da repórter Marla Bermudes, da TV Vitória/RecordTV

Últimas