Folha Vitória Brasileira está entre as vítimas de forte explosão no Beirute, diz Itamaraty

Brasileira está entre as vítimas de forte explosão no Beirute, diz Itamaraty

O Itamaraty explicou também que a embaixada fica no centro de Beirute, e não teve danos estruturais

Folha Vitória
Foto: Divulgação
Folha Vitória

Folha Vitória

Folha Vitória

O Ministério das Relações Exteriores disse nesta quarta-feira (5) que uma brasileira ficou ferida na explosão ocorrida no porto de Beirute, no Líbano. 

Segundo a nota, "dados atualizados da Embaixada apontaram apenas um brasileiro ferido, a esposa do adido da defesa, que segue hospitalizada, mas passa bem". Mais de 100 pessoas morreram com a explosão de terça-feira (4), além de 4 mil feridos e 300 mil desabrigados.

O Itamaraty explicou também que a embaixada fica no centro de Beirute, e não teve danos estruturais. "De modo geral, as salas voltadas para o local da explosão foram mais afetadas, com janelas estilhaçadas, desabamento do forro do teto, mobília e computadores seriamente danificados. Por outro lado, salas e escritórios voltados para a cidade foram poupados. Os sistemas de comunicações, inclusive internet, eletricidade e água, funcionam normalmente. Garagem e veículos oficiais não foram afetados".

"O Centro Cultural, localizado no bairro de Achrafieh, próximo do porto, teve fachada, portas e janelas seriamente afetadas. Já o setor consular, situado em bairro mais distante, não sofreu danos substantivos" diz o comunicado.

Cerca de 20.000 brasileiros vivem no Libano, principalmente na região conhecida como Vale do Bekka. 

* Com informações do portal R7.com

Últimas