Folha Vitória Cantor capixaba usa batimentos cardíacos em nova música

Cantor capixaba usa batimentos cardíacos em nova música

Inspirado pelas estrelas da música pop, o artista lança “Em Nós”, uma canção de pop soul sobre um relacionamento que não deu certo

Folha Vitória
Foto: Beatriz Loyola
Folha Vitória

Folha Vitória

Folha Vitória

As batidas animadas de “Te Deixei pra Trás”, single de estreia do cantor e compositor Lucas Gavvi, literalmente, ficaram no passado. Natural de Vitória, ele lançou nesta quinta-feira (25), a canção “Em Nós”, um pop soul que marca uma fase mais introspectiva de sua carreira. 

A nova música de trabalho já está disponível em todas as plataformas digitais e, no domingo (28), às 20h30, ganha videoclipe gravado no Palácio da Cultura Sônia Cabral, teatro localizado na capital capixaba. A produção audiovisual será publicada no canal do artista no YouTube.

Apostando novamente em uma letra sobre relacionamentos amorosos, o artista de 22 anos canta, com melancolia, sobre um término marcado por muitas lembranças. “Será que você vai escutar esse som que eu fiz pra você sempre lembrar / De todas as vezes que só sabíamos acreditar / Em nós”, diz no refrão.

Para criar essa atmosfera introspectiva e melancólica sobre um amor que não deu certo, Lucas recorreu às batidas do seu próprio coração, que são usadas não só na introdução da música, mas também funcionam como a bateria da canção. 

Quem também utilizou o mesmo recurso foi a estrela pop Taylor Swift no sucesso “Wildest Dreams”, lançado originalmente no álbum “1989”, de 2014. O fenômeno Olivia Rodrigo e o trio Lany também estão entre as referências da nova faixa.

“Desde o começo, eu queria que o instrumental de ‘Em Nós’ tivesse só um piano com elementos de bateria para realmente trazer a emoção que a música proporciona. Como queria deixá-la o mais sentimental possível, pensei em trazer os meus batimentos cardíacos para que o público entendesse que aquilo realmente estava vindo do meu coração, do que eu passei. Tem elementos que você só consegue escutar no fone de ouvido. Então, a ideia sempre foi fazer uma música imersiva, onde as pessoas pudessem fechar o olho e se conectar com aquela história”.

A produção musical da nova canção é de André Daumas, que já trabalhou com Mariana Coelho e Caju, além do sertanejo Kevin Fiorani e da também promessa do pop nacional Ananda Marçal. 

“Gosto de ‘entrar’ na mente do artista para entender o que ele pensa em relação a sua música, fazendo assim uma produção única. O Lucas é um artista que já sabe muito o que quer e isso ajuda muito no processo criativo do arranjo. Todo cantor precisa ter sua identidade, e acredito que ele leva isso muito a sério”, elogia o produtor.

Videoclipe

Escrita há quase três anos, “Em Nós” foi resgatada durante a pandemia, quando Lucas passou por um turbilhão de emoções. 

“Guardei ela com muito carinho porque sentia que tinha algo especial. E, no meio dessa confusão, eu descobri o que era. Hoje, essa música, pra mim, faz muito mais sentido do que quando escrevi. Meio louco isso. Hoje, eu a vejo como uma carta do Gavi de antes pro Gavvi de agora”, conta em carta publicada nas redes sociais.

E todo esse conceito de encontros de versões do jovem cantor foi levado para o clipe. Na produção audiovisual, o também estudante de Publicidade canta e toca piano no palco do Palácio da Cultura Sônia Cabral, teatro localizado em Vitória. Na plateia, apenas cinco Lucas, que representam diferentes fases da vida do cantor. 

“Tem o Lucas de ‘Te Deixei pra Trás’, o debochado, o que ama se filmar, o que está triste e o que está tocando violão, da época em que fiz o projeto `4 Dias - 4 Músicas` no Instagram. Eles assistem juntos e aplaudem a minha versão mais atual, a que está no palco”.

Últimas