Folha Vitória Casagrande visita bairro da Penha, em Vitória, e anuncia reforço no policiamento

Casagrande visita bairro da Penha, em Vitória, e anuncia reforço no policiamento

Além do reforço no efetivo policial, o objetivo também é implementar ações de esporte e lazer na região do bairro da Penha

Folha Vitória
Foto: Hélio Filho/ Secom
Folha Vitória

Folha Vitória

Folha Vitória

O Governo do Espírito Santo garantiu que irá reforçar o policiamento nas regiões dos bairros da Penha e São Benedito, em Vitória. Nesta quarta-feira (19), o governador Renato Casagrande foi ao Destacamento da Polícia Militar no alto do Bairro da Penha. Ele afirmou que o policiamento na região será reforçado.

"O policiamento vai atuar com o objetivo de prender criminosos, mas também terá como tarefa a proximidade com a comunidade. São diversos policiais que estarão aqui durante 12 horas por dia. No horário que mais acontecem os delitos, os policiais estarão presentes percorrendo essa região para que a gente possa dar tranquilidade à comunidade".

O secretário Estadual de Segurança Pública, Alexandre Ramalho, disse que a medida é uma extensão da Operação Saturação, já praticada pela Polícia Militar no Espírito Santo.

"Já estamos atuando há uma semana. Entramos com toda cautela e tranquilidade. Fizemos várias apreensões de drogas, armas de fogo e prendemos criminosos. É importante que a comunidade interaja com nossos policiais, mas principalmente interaja com o 181 que é um canal seguro que não precisa de identificação. Com isso nós qualificaremos ainda mais o nosso policiamento quando verificarmos todas as denúncias feitas pelo 181".

A Operação Saturação acontece no Estado há algum tempo, mas agora, de acordo com Ramalho, ela vai funcionar de forma fixa. Serão 12 policiais trabalhando 12 horas por dia no local conhecido como 'Território do Bem'. A ação ocorrerá por tempo indeterminado.

O local é composto pelos bairros da Penha, São Benedito, Itararé, Consolação e Gurigica. A Secretária Estadual de Direitos Humanos, Nara Borgo, também participou do evento e garantiu que serão realizados projetos sociais nos bairros para ajudar no combate à criminalidade. Um dos projetos é o Centro de Referência da Juventude que deve ser inaugurado até o final do ano.

"A gente vai ter, por exemplo, cursos do QualificarES além de atividades esportivas e culturais. Tudo isso para que o jovem entre nesse espaço, e para que trace um projeto de vida e de profissão, e que saia dali encaminhado, seja para um emprego formal ou informal, mas com uma possibilidade de trilhar o futuro da forma que ele sonhou, conforme ele desejou", disse a secretária.

A implantação dos projetos sociais é aguardada por quem mora na comunidade e convive com a violência. Para o líder comunitário do bairro da Penha, Baiano Rodrigues, essa é a única saída para diminuir o envolvimento de crianças e adolescentes no mundo do crime.

"O que a gente precisa hoje é que o Estado ocupe e ofereça esporte, lazer geração de renda e direcionando para esses adolescentes e jovens ao mercado de trabalho".

Violência

A violência que assusta e tira a tranquilidade da população que precisa dividir o espaço com as batalhas entre criminosos e policiais. Só neste ano, ao menos 25 ocorrências foram registradas nas regiões dos bairros da Penha e São Benedito, em Vitória.

No início do ano, a Polícia Militar prendeu Thiago Moraes Pereira Pimenta, conhecido como 'Panda', no bairro da Penha. Ele é irmão de um dos traficantes mais procurados do Espírito Santo. 

Thiago é suspeito de envolvimento na organização criminosa do tráfico de drogas que atualmente domina o bairro. O irmão dele, Fernando Moraes Pereira Pimenta, conhecido como 'Marujo', ainda não foi localizado pela polícia.

Em abril, a polícia também fez uma operação na região de São Benedito. Os criminosos receberam os policiais militares a tiros. Correria, tiros e foguetório marcaram a operação. Ninguém foi preso e nenhum material ilícito foi apreendido.

Mesmo com operações constantes, a guerra do tráfico e das forças de segurança seguem. A Polícia Militar prendeu, ainda no mês de abril, dois homens que atiraram contra a viatura da polícia, no bairro Gurigica. Um deles, um rapaz de 18 anos, é suspeito de comandar o tráfico em São Benedito. No mesmo dia, um laboratório de drogas foi descoberto no bairro Consolação.

*Com informações da repórter Milena Martins, da TV Vitória/RecordTV

Últimas