Folha Vitória China aprova uso emergencial da CoronaVac em menores de 18 anos

China aprova uso emergencial da CoronaVac em menores de 18 anos

As informações foram divulgadas pela empresa Sinovac, responsável por desenvolver a vacina; a fabricante não especificou até qual idade mínima o uso foi autorizado

Folha Vitória
Foto: Governo de São Paulo
Folha Vitória

Folha Vitória

Folha Vitória

O uso emergencial da vacina contra a covid-19 Coronavac, foi autorizado pela China para a aplicação na população com menos de 18 anos. A informação foi confirmada pela empresa Sinovac, que é a responsável pela fabricação da vacina, que também está sendo utilizada no Brasil.

De acordo com o presidente da Sinovac, Yin Weidong, o uso da vacina em crianças foi aprovado pelas autoridades competentes, mas até o momento, não foi confirmada a data que começara a imunização e nem a idade limite.

As fases 1 e 2 das pesquisas clínicas foram realizadas com centenas de voluntários menores de 18 anos. Em entrevista para a emissora estatal "CCTV", o presidente da fabricante afirmou "tão seguro e eficiente quanto para adultos".

Na última terça-feira, a Organização Mundial da Saúde (OMS) aprovou o uso emergencial da CoronaVac, segunda vacina de origem chinesa a ter o aval da entidade. A primeira foi a produzida pela Sinopharm, liberada desde o começo de maio.

Os dois laboratórios chineses foram os primeiros a terem o aval da OMS para produzir vacinas contra o coronavírus uma decisão semelhante da Agência Europeia de Medicamentos (EMA) ou da Administração de Alimentos e Medicamentos dos Estados Unidos (FDA).

* Com informações do Portal R7.

Últimas