Folha Vitória Chuvas em Cariacica: aulas canceladas, bairros alagados e atendimento suspenso na Saúde

Chuvas em Cariacica: aulas canceladas, bairros alagados e atendimento suspenso na Saúde

Com 140.9 mm de chuva, município da Grande Vitória foi a quinta cidade onde mais choveu no Estado nas últimas 24 horas

Folha Vitória
Foto: Reprodução/ WhatsApp Folha Vitória
Folha Vitória

Folha Vitória

Folha Vitória

A situação em Cariacica, na região metropolitana de Vitória, é crítica. Inúmeros bairros estão alagados com reflexo das fortes chuvas no Espírito Santo há mais de uma semana. 

De acordo com o último boletim da Defesa Civil do Espírito Santo, atualizado às 11h desta quinta-feira (01), Cariacica registrou, nas últimas 24 horas, 140.9 mm de chuva. Foi o quinto município onde mais choveu no Estado. A prefeitura da cidade decretou situação de emergência no município.

>> Quer receber nossas notícias 100% gratuitas? Participe do nosso grupo de notícias no WhatsApp ou entre no nosso canal do Telegram!

Leitores enviaram vídeos de alagamentos nos bairros Vista Dourada, Bubu e Santo André. Em Porto Novo, um morador mostrou que não tem condições sequer de sair para a rua. A partir do segundo pavimento de sua residência, registrou numa panorâmica que as vias no entorno desapareceram debaixo d'água. Ele diz que a água subiu um metro e invadiu o quintal.

No bairro Operário, onde está nesta tarde a equipe da TV Vitória/Record TV, o cenário é similar: ruas desaparecidas sob alagamentos, casas totalmente inundadas e moradores tentando salvar móveis e mantimentos transportando os objetos para o terraço ou locais longe do alcance da água.

Os transtornos da chuva causaram ainda suspensão das aulas em 18 escolas de rede municipal e cancelamentos de atendimentos em três unidades básicas de saúde nesta quinta.

A Secretaria de Saúde de Cariacica informa que foi preciso interromper os atendimentos nas Unidades Básicas de Saúde de Novo Brasil, Campo Verde e Mucuri. As outras 26 unidades básicas de saúde do município funcionam com capacidade reduzida. Consultas e exames que não puderam ser realizados serão reagendados.

LEIA TAMBÉM: Mulher que morava há menos de uma semana em bairro de Cariacica perde tudo após enchente

>>> VÍDEO | Desespero: moradores atravessam enchente com ajuda de corda em Cariacica

>>> VÍDEOS | Bairros são fortemente atingidos pela chuva e Cariacica decreta situação de emergência

Na rede municipal de ensino também foi preciso interromper as aulas em 18 escolas. Ficaram sem aulas nesta quinta-feira (1º) as Escolas Municipais de Ensino Fundamental (Emefs) Adalberto Queiroz, Cachoeirinha, Antero José do Nascimento, Deocleciano Francisco, Hemogenia da Conceição, Valdeci Cezarino, Vírgilio Francisco Schwab, Escola do Campo Margarete Cruz Pereira, Luzbell Pretti, Laurinda Pereira do Nascimento e Maria Guilhermina de Castro.

Os Centro Municipais de Educação Infantil (CMEIs) que não tiveram aulas foram Benedito Ribeiro de Almeida, Bernadete Barbosa Lemos, Cleto Prudêncio Rodrigues, Jacy Pereira, João Bubach, Luiz Santiago Filho e Maria Ribeiro de Rezende.

De acordo com a prefeitura, as famílias que foram prejudicadas  vão ser levadas para um abrigo na Escola Municipal de Ensino Fundamental Valdeci Cezario, em Vila Rica.

Equipes da Secretaria Municipal de Assistência Social de Cariacica (Semas) estão fazendo a triagem das famílias para encaminhá-las ao local. Elas estão recebendo alimentação e roupas. Até o momento, mais de 25 famílias estão desalojadas ou desabrigadas no município.

“Essas pessoas vão receber alimentação e o abrigamento necessário enquanto elas não conseguirem voltar para suas residências”, destacou Danyelle Lirio, secretária de Assistência Social.

O prefeito Euclério Euclério Sampaio acompanhou o trabalho das equipes da Semas, da Defesa Civil e da Secretaria de Serviços. "Vamos continuar com força total dando assistências a essas famílias", afirmou o prefeito. 

Defesa Civil

A Defesa Civil de Cariacica informa que até o momento, foram atendidos 15 chamados, principalmente de pequenos deslizamentos.

Durante a madrugada, foi registrado um desabamento de varanda em Campo Grande. Não houve vítimas e o imóvel foi interditado, por comprometimento estrutural da edificação.

Oito bairros apresentam pontos de alagamento: Campo Verde, Bubu, Flor de Piranema, Santo André, Vila Rica, Porto Novo, Santo André e Porto de Cariacica. As equipes da Defesa Civil de Cariacica estão nas ruas acompanhando a situação e monitorando áreas de risco e de alagamento, oferecendo orientações e apoio à população.

Nas últimas 24 horas foi registrado volume de 150 milímetros de chuva. São 25 famílias desalojadas ou desabrigadas e cerca de 25 mil pessoas afetadas pela chuva.

Em caso de ocorrência os munícipes podem acionar o órgão pelos números 98831-6000, 3354-7126, 3346-6194 e 199.

Limpeza

A prefeitura informou que vem realizando limpeza periódica, especialmente no mês de novembro, nas calhas e manutenção dos canais de drenagem pluvial na região e que não tem conhecimento de aterros de valão, apenas de intervenções com o objetivo de otimizar a capacidade de escoamento destes canais de drenagem. 

Doações

A Secretaria Municipal de Assistência Social de Cariacica (Semas) abriu um ponto de arrecadação para quem quiser fazer doações para as vítimas da chuva que atingem o Estado. O ponto de arrecadação é o Banco de Alimentos Josué de Castro, que funciona na Avenida Glauber Rocha, 219, em Morada de Santa Fé. Estão sendo arrecadados kit de higiene pessoal (com pasta e escova de dentes e sabonete), fraldas descartáveis, material limpeza, cestas básicas, além de peças de vestuário e roupas de cama.

Últimas