Folha Vitória Com mais 96 mortes em 24 horas, Espírito Santo supera marca de 9 mil óbitos por covid-19

Com mais 96 mortes em 24 horas, Espírito Santo supera marca de 9 mil óbitos por covid-19

No mesmo período, foram contabilizados mais 1.897 novos casos de infecção pelo novo coronavírus, elevando o total de infectados para 423.974

Folha Vitória
Foto: Reprodução
Folha Vitória

Folha Vitória

Folha Vitória

O Espírito Santo superou, nesta quinta-feira (22), a triste marca de 9 mil mortes provocadas pelo novo coronavírus. De acordo com informações do Painel Covid-19, da Secretaria de Estado da Saúde (Sesa), em 24 horas foram registradas mais 96 mortes em decorrência da covid-19. Com isso, o total de óbitos causados pela doença no Estado, desde o início da pandemia, chegou a 9.011.

O estado havia superado a marca das 8 mil mortes há exatamente duas semanas. No dia 8 deste mês, o Espírito Santo chegava a 8.016 óbitos por covid-19. Em 14 dias, foram registradas mais 995 mortes causadas pela doença, uma média de 71 por dia.

Também em 24 horas, foram contabilizados mais 1.897 novos casos de infecção pelo novo coronavírus, elevando o total de infectados para 423.974 no Espírito Santo. O Painel Covid-19 aponta ainda que 395.538 pessoas já conseguiram vencer a doença no Estado.

A Serra continua sendo a cidade capixaba com o maior número de infectados pelo coronavírus. Ao todo, foram registrados 53.010 casos da doença no município. Vila Velha ocupa a segunda posição, com 52.536 casos registrados desde o início da pandemia. Vitória segue na terceira colocação, com 46.022 registros da doença.

Vila Velha, no entanto, segue como o município capixaba com o maior número de mortes causadas pela covid-19 até o momento: 1.195. Em seguida, aparece a Serra, com 1.062 óbitos. Na terceira colocação está Cariacica, com 1.021 registros. Na sequência está Vitória, que já contabilizou 998 mortos pela covid-19.

Ainda segundo o painel, Jardim Camburi, em Vitória, continua sendo o bairro com o maior número de casos confirmados da doença. Ao todo, 6.925 pessoas já foram infectadas na região. Praia da Costa, em Vila Velha, é o segundo bairro, com 5.525 casos. Jardim da Penha, também na capital, ocupa a terceira colocação, com 4.006 casos.

Últimas