Folha Vitória Compre do Pequeno: live com empresários capixabas aborda estratégias de marketing e vendas durante a pandemia

Compre do Pequeno: live com empresários capixabas aborda estratégias de marketing e vendas durante a pandemia

A campanha tem como objetivo a valorização dos pequenos negócios e do comércio local

Folha Vitória
Foto: Divulgação / Pexel
Folha Vitória

Folha Vitória

Folha Vitória

A campanha Compre do Pequeno, lançada no dia 10 de agosto, como forma de incentivo à valorização dos pequenos negócios e do comércio local, traz uma extensa programação para auxiliar os empresários capixabas neste momento de crise.

Uma das ações será a realização de lives com empresários capixabas de sucesso, que irão compartilhar suas estratégias de marketing e vendas durante este período de pandemia. O objetivo é inspirar outros empreendedores e oferecer uma oportunidade de troca e aprendizado com experiências reais.

O primeiro encontro virtual será sobre “Marketing e vendas para o setor de moda e vestuário” e acontece nesta segunda-feira (17), às 19h. Os convidados são os empresários Lucas Izoton (Cobra D'agua) e Lourdes Ferolla (Di Ferolla).

“O propósito dessa iniciativa é gerar e compartilhar conteúdo relevante e estratégico, de empreendedor para empreendedor. Ações e medidas que inspirem e que possam ser implementadas pelas empresas do setor e que tenham potencial de gerar resultado no curto prazo”, salienta o gerente de competitividade do Sebrae/ES, Luiz Felipe Sardinha.

Os interessados em participar da live devem se inscrever gratuitamente na Loja Sebrae.

Já no dia 31 deste mês, às 19h, o tema da live será “Marketing e vendas para o setor de panificação e confeitaria”. O encontro trará empresários do ramo para analisar como o marketing digital tem ajudado a manter os negócios funcionando, e compartilhar os desafios enfrentados pelo setor – que está vivendo quedas no faturamento com variação de quase 40% no cenário da Covid-19.

Boas práticas

Nas duas ocasiões o gerente do Sebrae/ES compartilhará informações sobre boas práticas de saúde para uma retorno gradual seguro da economia. “As boas práticas devem ser aplicadas aos negócios de todos os segmentos. Os donos de pequenos negócios precisam assegurar que seus estabelecimentos estejam preparados para atuar de forma segura do ponto de vista sanitário. Vamos apontar medidas básicas que podem ser utilizadas neste momento”, explica Luiz Felipe Sardinha.

Ele ressalta a importância da aplicação de boas práticas tanto pelo ponto de vista da empresa quanto dos clientes. “O cliente precisa se sentir seguro para comprar um produto ou serviço. No varejo essa confiança é muito importante. É estratégico para o comércio que se entenda a importância de adotar as boas práticas”, destaca Sardinha.

Últimas