Folha Vitória Criminosos fazem arrastão em ponto de ônibus após assaltarem mercearia em Cariacica

Criminosos fazem arrastão em ponto de ônibus após assaltarem mercearia em Cariacica

O crime aconteceu na manhã deste sábado (27), no bairro Graúna. O ponto de ônibus fica cerca de 20 metros da mercearia assaltada

Foto: Reprodução TV Vitória
Folha Vitória

Folha Vitória

Folha Vitória

Criminosos assaltaram uma mercearia e logo em seguida fizeram um arrastão em um ponto de ônibus, na manhã deste sábado (27), no bairro Graúna, em Cariacica. Os assaltantes roubaram cerca de R$ 500 do dono do estabelecimento, um aposentado de 64 anos, além de celulares das vítimas que estavam no ponto. 

O comércio está em funcionamento há apenas cinco meses. Nele, as vendas da mercearia é um complemento na renda do aposentado. Segundo o idoso, ele havia acabado de abrir o estabelecimento por volta das 9he quando estava tomando um café foi rendido pelos criminosos e teve uma arma apontada para a cabeça. 

> Quer receber nossas notícias 100% gratuitas no celular? Clique aqui e participe do nosso grupo de notícias!

O comerciante não foi a única vítima do grupo de criminosos. Instantes após os assaltantes roubarem o comércio, eles fizeram um arrastão em um ponto de ônibus que fica a cerca de 20 metros da mercearia. 

Os suspeitos seguiram no carro até o ponto de ônibus. Havia seis pessoas aguardando os coletivos. Uma mulher em que estava sentada em uma tampa de bueiro teve o celular roubado. Além de um rapaz que estava na calçada também foi assaltado. As pessoas que estavam mexendo nos aparelhos na hora os criminosos chegaram foram assaltados. 

A mulher assaltada é uma faxineira de 34 anos, que  estava seguindo para o trabalho. A equipe da TV Vitória/Record TV conseguiu contato com ela por meio do marido. A vítima contou que também ficou sob a mira de uma arma e recebeu ameaças.

LEIA TAMBÉM: Advogado é esfaqueado no pescoço em apartamento de luxo em Vila Velha

De acordo com a faxineira, entre os passageiros no ponto havia também uma mulher grávida, acompanhada de uma criança. Ela conseguiu jogar o aparelho dentro de um quintal. Os outros negaram estar celular e os criminosos fugiram.

Após o assalto, a faxineira ficou bastante abalada e desistiu de ir para o trabalho. Já o dono do estabelecimento já não sabe mais se quer continuar com a mercearia. O sentimento é de revolta, diante da falta de segurança no bairro. 

*Com informações da repórter Fernanda Batista, da TV Vitória/Record TV.

Últimas