Criminosos invadem casa e assassinam homem com mais de 20 tiros na Serra

Jonathan Rodrigo Machado Wili já havia sofrido uma tentativa de homicídio no dia 6 de julho deste ano, quando o enteado e o cunhado dele foram mortos

Foto: Reprodução/TV Vitória
Folha Vitória

Folha Vitória

Folha Vitória

Criminosos invadiram uma casa no bairro Porto Canoa, na Serra, e assassinaram um homem de 38 anos durante a madrugada deste sábado (28). A vítima foi identificada como Jonathan Rodrigo Machado Wili.

De acordo com populares, os suspeitos chegaram ao local de carro. Um deles teria pulado o muro e serrado o cadeado para abrir o portão da casa, para os comparsas entrarem.

Dentro da residência, os criminosos foram direto para o quarto onde a vítima estava dormindo com a namorada e arrombaram a porta, que estava trancada. Eles ordenaram que a mulher deitasse no chão e, em seguida, dispararam mais de 20 vezes contra Jonathan. 

Segundo a polícia, a vítima tem passagens na Justiça por tráfico de drogas, ficou presa por sete anos e, há cerca de um ano, saiu da prisão. Ninguém soube informar quem seriam os suspeitos do crime deste sábado. Até o momento, ninguém foi preso.

Tentativa em julho

Segundo informações, o homem sofreu uma tentativa de homicídio no dia 6 de julho deste ano, em Vila Nova de Colares. Jonathan estavam em um bar com o enteado e o cunhado quando um carro se aproximou e criminosos desceram e atiraram contra eles. 

O enteado, de 22 anos, foi atingido na cabeça, chegou a ser hospitalizado, mas não resistiu. O cunhado, de 39 anos, levou três tiros e morreu a caminho do hospital. Jonathan levou 16 tiros e ficou com dificuldades para andar por conta disso.

*Com informações da repórter Luana Damasceno, da TV Vitória/Record TV.