Folha Vitória Detentos morrem depois de tomar cachaça artesanal em CDP

Detentos morrem depois de tomar cachaça artesanal em CDP

Um terceiro também ingeriu a bebida e está internado em estado de saúde considerado estável

Um terceiro também ingeriu a bebida e está internado em estado de saúde considerado estável

Foto: Reprodução Google Maps
Folha Vitória

Folha Vitória

Folha Vitória

Dois detentos morreram e um está internado depois que ingerirem uma cachaça artesanal nesta quarta-feira (21), no Centro de Detenção Provisória (CDP) de Suzano, na região metropolitana de São Paulo.

De acordo com informações passadas pela Polícia Civil, os detentos, que estavam na mesma cela, produziram a bebida com substâncias ainda não identificadas. 

Daniel Silva, de 47 anos, morreu no local. Fernando Herbert Passos Gomes, de 39 anos, e Samuel Oliveira de Araújo, de 33 anos, foram encaminhados ao Pronto Socorro da Santa Casa de Misericórdia de Suzano. Fernando morreu na unidade médica. 

Segundo informações publicadas pelo Portal R7 o órgão de segurança pública instaurou um inquérito policial e irá investigar as causas da morte. O caso foi registrado no 2° DP do município. Por nota, a Prefeitura de Suzano confirmou a morte de Gomes e a internação de Araújo. “O órgão não tem informações sobre óbitos que possam ter ocorrido dentro da unidade prisional, de responsabilidade do Governo do Estado”, disse.

Procurada pelo Portal R7, a Secretaria de Administração Penitenciária (SAP) ainda não se manifestou.