Folha Vitória Dinheiro roubado de joalherias na Grande Vitória financiava tráfico de drogas, diz polícia

Dinheiro roubado de joalherias na Grande Vitória financiava tráfico de drogas, diz polícia

Segundo a Polícia, Wkerle Guilherme Silvares, de 45 anos, seria o líder de uma quadrilha e ainda arquitetava os assaltos

Folha Vitória
Foto: Divulgação Policia
Folha Vitória

Folha Vitória

Folha Vitória

Um suspeito de planejar e dar suporte a uma associação criminosa que cometia assaltos a joalherias de luxo na Grande Vitória direcionava o dinheiro obtido nos crimes para o tráfico de drogas.

O homem foi identificado como Wkerle Guilherme Silvares, de 45 anos. Segundo a polícia, ele atuava com um adolescente de 17 anos.

A quadrilha deixou um prejuízo de, pelo menos, meio milhão de reais em duas lojas.

O delegado Gabriel Monteiro, explicou que o homem planejava e organizava cada etapa dos assaltos, mas não participava das ações.

"Ele verificava o local do assalto antes do crime, não aparecia no momento do crime para não ser visto e utilizava um veículo para auxiliar na fuga dos assaltantes após eles saírem das lojas", explicou.

A prisão de Wkerle foi apresentada nesta terça-feira (9), e o suspeito foi detido em outubro, 10 meses após os crimes.

Suspeito avançou com o carro em direção a uma viatura policial durante uma perseguição

A polícia afirma que a primeira ação aconteceu em janeiro deste ano, em um shopping de Vila Velha.

No dia, policiais encontraram os suspeitos dentro de um carro em uma rua do município. Uma perseguição teve início e, segundo a Polícia Militar, o suspeito jogou o carro em cima da viatura policial e conseguiu fugir.

A casa de Wkerle foi localizada 10 horas depois da perseguição, no bairro São Cristóvão, também em Vila Velha, junto do veículo utilizado na fuga. 

As roupas utilizadas durante a ação no shopping da Serra foram encontradas dentro do porta malas do veículo.

Dentro da residência, foram encontrados cordões de ouros quebrados, um carregador de pistola e aproximadamente oito frascos de lança perfume. A Polícia apreendeu todo o material encontrado, mas a casa estava vazia e ninguém foi detido.

Homem foi detido 10 meses depois, dentro da mesma casa e com 3kg de entorpecentes 

Foto: Divulgação Policia
Folha Vitória

Folha Vitória

Folha Vitória

Em outubro deste ano, Wkerle foi detido dentro da mesma casa, junto com a mulher e a filha de três anos.

O delegado Gabriel Monteiro afirmou que o suspeito tentou resistir à prisão e que entorpecentes foram encontradas dentro da residência.

"Ele tentou resistir à ação policial, mas foi detido. Dentro da residência, havia aproximadamente 3kg de substância semelhante à cocaína. Isso indica que ele, junto da associação criminosa, estava roubando joalheiras de luxo para utilizar o dinheiro no tráfico de drogas", afirmou.

O adolescente de 17 anos flagrado no roubo da joalheria da Serra e outro suspeito que atuou com Wkerle ainda não foram localizados.

Com informações de Marla Bermudes, repórter da TV Vitória/Record TV

Últimas