Dono de restaurante lança jato de extintor no rosto de fumante para apagar cigarro

A confusão ocorreu pois o homem pediu para que o comerciante lhe ensinasse sobre a lei que proíbe fumar na área

Foto: Reprodução/Vídeo/Crónica
Folha Vitória

Folha Vitória

Folha Vitória

Um dono de restaurante e um fumante se envolveram em uma confusão em Salt Lake City, nos Estados Unidos. O comerciante identificado como Alex Jaminson é proprietário do restaurante Pulp Lifestyle Kitchen, localizado no centro comercial da cidade, reclamou do cheiro do cigarro que a vítima fumava e acionou um extintor no rosto do homem.

De acordo com o jornal argentino Crónica, a vítima se chama Jon Bird e compartilhou o registro da ocorrência em uma rede social. Ele solicitava informações sobre o agressor e afirmou que o comerciante havia fugido do local.

Ainda segundo o jornal, a confusão ocorreu pois a vítima pediu para que o comerciante lhe ensinasse sobre a lei que proíbe fumar na área. Após uma breve discussão, Alex lançou um jato de pó químico na altura dos olhos de Jon.

O jornal Crónica explica que, de acordo com as leis do estado de Utah, onde fica Salt Lake City, só é permitido fumar a uma distância maior que 7,5 m de qualquer estabelecimento comercial

No entanto, apesar da lei proteger o dono do restaurante, ela não garante amparo sobre a atitude extrema realizada com o extintor.