Folha Vitória Edifício onde piscina desabou passa por vistorias nesta sexta-feira; prédio foi evacuado

Edifício onde piscina desabou passa por vistorias nesta sexta-feira; prédio foi evacuado

Defesa Civil afirmou que não há risco de desabamento, mas houve vazamento de gás e, por isso, moradores foram encaminhados a um hotel

Folha Vitória
Foto: Leitor | Whatsapp Folha Vitória
Folha Vitória

Folha Vitória

Folha Vitória

O edifício que registrou o desabamento da piscina passa por vistorias técnicas e fiscal do Conselho Regional de Engenharia e Agronomia do Espírito Santo (Crea-ES) e da Defesa Civil na manhã desta sexta-feira (24). O fato foi registrado na noite desta quinta-feira (22), no Edifício Parador, na Praia de Itaparica, em Vila Velha, e não houve feridos.

Equipes de fiscais e especialistas do Conselho estarão no local para analisar a situação, buscar identificar as possíveis causas do acidente, verificar registros de projetos e de responsabilidade técnica. A previsão é de que o trabalho dos engenheiros especialistas do Conselho prossiga durante todo o dia.

Evacuado

Foto: Arleson Schneider / TV Vitória
Folha Vitória

Folha Vitória

Folha Vitória

Os moradores precisaram deixar os apartamentos, pois a piscina contava com aquecimento a gás e, devido ao desabamento, houve vazamento do material e o edifício foi evacuado por segurança. De acordo com Belenda, coordenador adjunto da Defesa Civil de Vila Velha, os aproximadamente 270 moradores dos 90 apartamentos do prédio foram levados para um hotel.

"Estamos fazendo uma verificação do que aconteceu. Não observamos nada além da laje da piscina que cedeu. Ela fica no 1º andar, e existem outros pavimentos com garagem. Não teve nenhum carro esmagado. A primeira avaliação agora é a evacuação do prédio por questão de segurança. Os moradores pegaram seus pertences e foram levados para um hotel disponibilizado pela construtora", disse, pouco depois do desabamento.

Além disso, segundo Belenda, nesta sexta-feira (23), fiscalizações minuciosas serão realizadas no edifício. "Até as 12h/13 horas vamos nos reunir com outros engenheiros da Defesa Civil do município de Vila Velha e com os da Defesa Civil Estadual, além dos engenheiros da empresa da construção. Será realizada uma força-tarefa para poder percorrer todas essas áreas, e juntos, faremos uma fiscalização com a planta do edifício em mãos. Iremos em todos os pontos-chaves para que haja a certeza de que está tudo em boas condições."

Por nota, a Defesa Civil Municipal de Vila Velha informou que, com auxílio da Guarda Municipal, isolou o edifício e um trecho da rua Itapemirim, próximo ao prédio. Segundo o órgão, inicialmente não há risco estrutural iminente. A orientação aos moradores é de que deixem o local, que já está recebendo escoramento realizado pela construtora responsável. 

De acordo com informações da equipe de reportagem da TV Vitória/RecordTV, que esteve no local, moradores contaram que ouviram um barulho e chegaram a pensar que era uma trovoada. Eles sentiram um cheiro forte do gás em seguida e descobriram que a piscina havia desabado na garagem do térreo. Ainda de acordo com moradores, recentemente a piscina ficou interditada por três meses devido a vazamentos.

Por nota, a Argo, construtora responsável pelo edifício, informou que está prestando a assistência necessária às famílias, além de colaborar com as autoridades e órgãos competentes para apurar as causas do desabamento e destacou que não houve feridos

Edifício Parador

O empreendimento considerado de luxo, tem mais de 30 opções de lazer incluindo playground, praça das mães, lan house, brinquedoteca, salão de jogos, babylândia, boteco, churrasqueiras, espaço gourmet, desck/solaium infantil, piscina infantil, quadra esportiva, espaço mulher, sala de massagem, hidromassagem, SPA, sauna, terraço gourmet, piscina com raia, salão de festas, fitness, car wash, e beach point. 

Últimas