Folha Vitória Em reunião com a Findes, Technip afirma que manterá fornecedores do ES

Em reunião com a Findes, Technip afirma que manterá fornecedores do ES

No início do mês, a empresa divulgou que vai encerrar a produção de tubos flexíveis no Estado, por conta da crise causada pela pandemia da covid-19

Folha Vitória
Foto: Divulgação

A multinacional TechnipFMC, que anunciou no início do mês o encerramento da produção de tubos flexíveis no Espírito Santo, afirmou, na última semana que, apesar de deixar o Estado, vai continuar trabalhando com os fornecedores capixabas.

A confirmação foi feita durante uma reunião entre a presidente da Findes, Cris Samorini, Companhia Docas Do Espírito Santo (Codesa), Secretaria de Desenvolvimento e representantes da multinacional.

Segundo a Findes, o objetivo do encontro foi reforçar a parceria com a empresa, pois as operações de fabricação de tubos flexíveis irão continuar no Espírito Santo até o final deste ano. 

Durante a reunião, também foi abordada a questão da cadeia de suprimentos e fornecedores que estão no Espírito Santo. A empresa afirmou que vai continuar com a parceria e ressaltou que esses fornecedores locais já atendem as fábricas de Vitória e Açu.

“Consideramos a reunião produtiva e avaliamos que é muito importante para o Espírito Santo a manutenção da parceria com os fornecedores locais”, disse Cris Samorini. 

Instalada no Espírito Santo desde 1985, a multinacional produz tubos flexíveis voltados para a cadeia de petróleo e gás. Em dezembro de 2020, as atividades realizadas em Vitória serão transferidas para a unidade do Porto de Açu.

A justificativa da empresa para encerrar a produção no Estado baseou-se na crise causada pela pandemia da covid-19 e na redução da demanda por petróleo e gás.

Últimas