Folha Vitória Empresário suspeito de matar esposa a tiros no Sul do ES é autuado por feminicídio

Empresário suspeito de matar esposa a tiros no Sul do ES é autuado por feminicídio

Assassinato foi presenciado pela filha do casal de 9 anos e empresário tentou tirar a própria vida após o crime; ele está internado em estado grave no hospital

Folha Vitória
Foto: Reprodução / Facebook
Folha Vitória

Folha Vitória

Folha Vitória

O empresário Wellington Denadai, de 41 anos, suspeito de matar a esposa Leidiane Erqui Tonetti Andreão, de 36 anos, está internado em estado grave após tentar tirar a própria vida. 

O crime aconteceu no último sábado (15) em Aracuí, município de Castelo, na região Sul do Estado e, logo depois de atirar em Leidiane, ele atirou na própria cabeça.

Na madrugada em que o crime ocorreu, vizinhos disseram ter escutado dois disparos de arma de fogo vindos da residência do casal. A filha de Wellington e Leidiane, de apenas 9 anos, presenciou a morte da mãe e a tentativa de suicídio do pai.

A Polícia Militar e o Samu foram acionados. Assim que as equipes chegaram ao local, tiveram dificuldade para entrar na casa, pois o portão estava fechado.

Leia também: Em três meses, 22 mulheres são mortas no Espírito Santo

Foto: Reprodução/Facebook
Folha Vitória

Folha Vitória

Folha Vitória

Vizinhos e policiais usaram uma escada de madeira para ter acesso ao imóvel. Quando entraram, encontraram o casal caído perto do banheiro e com marcas de tiro pelo corpo. 

Em nota, a Polícia Civil informou que Wellington foi autuado em flagrante por homicídio qualificado por impossibilidade de defesa da vítima e feminicídio.

Quando receber alta médica, o empresário será encaminhado ao Centro de Detenção Provisória de Cachoeiro de Itapemirim.

* Com informações do Jornalismo da TV Vitória.

Últimas