Folha Vitória Enem: saiba como será a circulação de ônibus e o reforço na segurança no dia das provas

Enem: saiba como será a circulação de ônibus e o reforço na segurança no dia das provas

Mais de 58 mil estudantes se inscreveram para fazer o exame no Espírito Santo. Neste domingo (21), serão aplicadas as provas de Linguagens, Ciências Humanas e Redação

Folha Vitória
Foto: Marlon Max / Folha Vitória
Folha Vitória

Folha Vitória

Folha Vitória

A primeira prova do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) acontece neste domingo (21) e muitos estudantes já estão na expectativa. A circulação dos ônibus do Transcol e a segurança pública serão reforçadas.

No Espírito Santo, 58.590 estudantes se inscreveram para fazer o exame. Neste domingo, serão aplicadas as provas de Linguagens, Ciências Humanas e a Redação. 

A partir do momento em que o aplicador autorizar o início das provas, os candidatos terão 5h30. No outro domingo (28), os estudantes terão 4h30 para responder as questões de Matemática e Ciências da Natureza. 

Em ambos os dias, os portões das escolas onde serão aplicadas as provas abrirão às 12h e fecharão pontualmente às 13h (horário de Brasília), por isso, é preciso que os candidatos fiquem atentos para não se atrasarem. 

Circulação dos ônibus 

Nos dias das provas, a circulação dos ônibus do Transcol será reforçada na Grande Vitória. De acordo com a Companhia Estadual de Transportes Coletivos de Passageiros do Estado do Espírito Santo (Ceturb-ES), 25 ônibus extras ficarão à disposição nos terminais de integração para atender a um eventual aumento de demanda de alguma linha.

Trânsito

Na tarde desta sexta-feira (19), a Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (Sesp) divulgou o plano operacional para os dias 21 e 28 de novembro, quando ocorreram a aplicação do Enem.

O Batalhão de Trânsito da Polícia Militar (BPTran), segundo a Sesp, vai orientar a população. Nas regiões onde o tráfego de veículo é municipalizado, o trabalho será realizado pelas Guardas Municipais.

Distribuição das provas

Ao todo, cerca de 700 integrantes das forças policiais vão realizar a segurança dos locais de prova, além da escolta e guarda do exame. Mais de 230 escolas vão receber alunos no Estado. 

A logística de transporte dos materiais será realizada pelos Correios, com escolta da Polícia Militar do Espírito Santo, na saída do centro de distribuição para os locais de prova e no retorno dos exames ao local de depósito.

VEJA TAMBÉM: História e Geografia no Enem: veja resumão e lista de exercícios para a prova

Segurança

Durante os dois finais de semana, a Sesp irá contar com o Centro Integrado de Comando e Controle Estadual (CICC-E) para coordenar e monitorar todas as atividades de inteligência com o objetivo de garantir a realização segura da prova.

O secretário de Estado da Segurança Pública e Defesa Social, coronel Alexandre Ramalho, disse que Corpo de Bombeiros, Polícia Militar, Polícia Civil e guardas municipais atuarão em conjunto com o Governo Federal para garantir a segurança dos locais de prova, como também onde as provas ficarão guardadas até a distribuição, incluindo o transporte e a escolta.

“Nossas forças de segurança vão trabalhar integradas com o Governo Federal, com o objetivo de garantir a segurança na realização do exame mais importante do ano para os nossos jovens. Para isso, estaremos em monitoramento em tempo real com o nosso Centro de Comando e Controle, que engloba representantes de todas as instituições”, disse.

VEJA TAMBÉM: Enem: baixe exercícios e veja as apostas para Linguagens e Matemática

Apoio

O planejamento da Sesp também foi realizado com a participação de instituições, como a EDP Escelsa, a Companhia Espírito Santense de Saneamento (Cesan), entre outros órgãos com o objetivo de garantir uma realização segura da aplicação das provas do Enem.

Últimas