Folha Vitória Entenda como irá funcionar as atividades culturais e eventos corporativos que serão liberados a partir de setembro no ES

Entenda como irá funcionar as atividades culturais e eventos corporativos que serão liberados a partir de setembro no ES

Entre os eventos que poderão ser retomados a partir do mês que vem, estão os acadêmicos, técnicos e científicos, como palestras, seminários e congressos

Folha Vitória
Foto: Divulgação
Folha Vitória

Folha Vitória

Folha Vitória

O governador Renato Casagrande anunciou a retomada das atividades culturais e eventos corporativos a partir do dia 1º de setembro no Espírito Santo. O retorno foi confirmado na última sexta-feira (14), durante um pronunciamento feito pelas redes sociais.

O governador ressaltou ainda que todos eles deverão respeitar protocolos de segurança para reduzir o risco de contágio pelo novo coronavírus. "Compreendendo que é uma retomada gradual e responsável, com parâmetros claros e associados ao avanço da pandemia — se a pandemia avançar, reduz atividades —, e naturalmente debatida com cada segmento", disse Casagrande.

Entre os eventos que poderão ser retomados a partir do mês que vem, estão os acadêmicos, técnicos e científicos, como palestras, seminários e congressos. "Lógico que com os protocolos que a nossa equipe está discutindo com esses setores: número máximo de pessoas por metro quadrado, de distanciamento entre as pessoas. o protocolo será discutido, debatido e apresentado para todos que vão querer organizar eventos como esses", frisou o governador.

Também será autorizada, a partir de 1º de setembro, a reabertura de galerias, centros culturais, bibliotecas e acervos. Todos esses espaços, segundo Casagrande, também terão de adotar uma série de procedimentos, que ainda estão sendo definidos pelo governo do Estado, mas que levarão em consideração a não aglomeração, o distanciamento, o uso de máscaras e a adoção de medidas de higiene. Já o funcionamento de museus no estado está liberado desde o início deste mês.

O governo do Estado também vai permitir, a partir de setembro, o uso de teatros, auditórios e salas de apresentação, porém sem público. "Um grupo quer fazer uma live e quer usar a estrutura de um teatro, de um auditório ou de uma sala de apresentação, vai poder utilizar para fazer a transmissão online dessa apresentação", explicou o governador.

"Também vamos permitir, a partir de 1º de setembro, gravações, lives, produção de espetáculo, ensaio, preparação de teatro, dança e música, desde que seja com distanciamento, não aglomeração e com os cuidados necessários. O espaço de cursos livres, como oficinas, formação social e cultural, também estarão permitidos a partir do dia 1º de setembro. São atividades que nós estamos permitindo porque nós podemos controlar o distanciamento, a não aglomeração e ter os protocolos necessários", completou Casagrande.

Nova matriz

Uma nova matriz de risco foi divulgada neste sábado (15) pelo governo do Estado.

"Aqui no Espírito Santo nós vencemos essa batalha por leitos, mas nós não vencemos a pandemia ainda. Passamos pelo pior momento, onde chegou a morrer, em média, 40 pessoas por dia. O número de pessoas que perde a vida por dia é muito alto, então temos ainda uma tarefa pela frente e é isso que tem que mobilizar a sociedade capixaba. Amanhã será anunciada uma nova matriz, que classifica os municípios em risco baixo, moderado e alto. Não precisamos chegar ao risco extremo, graças a Deus e ao atendimento hospitalar que a gente conseguiu fazer", disse o governador. 

Últimas