Folha Vitória Entenda como os chás ajudam no equilíbrio corpo e mente

Entenda como os chás ajudam no equilíbrio corpo e mente

Considerada a segunda bebida mais popular do mundo - atrás apenas da água -, as infusões têm propriedades terapêuticas e funcionais que podem atuar como estimulantes, diuréticos, digestivos, anti-inflamatórios, calmantes, entre outros

Folha Vitória
Foto: Reprodução / Pexels
Folha Vitória

Folha Vitória

Folha Vitória

Segundo a Organização Mundial da Saúde, falar em saúde vai muito além da ausência de alguma enfermidade: é o equilíbrio entre bem-estar físico, mental e social. Nessa mesma linha, a medicina integrativa enfatiza uma abordagem holística e focada no paciente, incluindo aspectos mentais, emocionais, funcionais, espirituais, sociais e comunitários.

Dentro desse contexto, o chá surge como uma peça fundamental para aliar bem-estar, saúde e espiritualidade. Segundo o nutricionista Rodrigo Moreira, a bebida traz diversos benefícios e equilibra o corpo e a mente. 

"Bem-estar é a busca da satisfação plena com seu corpo, mente e espírito. O consumo de chás pode trazer benefícios significativos", explica.

Considerada a segunda bebida mais popular do mundo - atrás apenas da água -, as infusões têm propriedades terapêuticas e funcionais que podem atuar como estimulantes, diuréticos, digestivos, anti-inflamatórios, calmantes, entre outros.

"Os benefícios são diversos para a saúde, como a possível redução na glicemia em diabéticos, do colesterol em hipercolesterolêmicos, da pressão arterial em hipertensos, além do efeito antibactericida, antifúngico e antiviral de forma geral. Camomila, Cidreira e Hortelã por exemplo, são ótimas opções para diminuir ansiedade e estresse", conta o profissional.

Mais do que uma bebida com propriedades terapêuticas, o chá é um elemento cultural

Historicamente, o líquido é associado à paz e a harmonia. A Cerimônia do Chá, tradicional do Japão, é um exemplo. 

"Mantida até hoje, a proposta é de alcançar 'a paz numa xícara de chá'. A ideia é deixar o mundo material e entrar em um mundo sagrado e espiritual. É inspirada em ideias budistas como: a simplicidade, a harmonia e a impermanência de todas as coisas", explica Rodrigo.

A bebida pode auxiliar na busca pelo equilíbrio mental

Um dos exemplos é com a prática do mindfulness. O termo ganhou popularidade nos últimos anos e se caracteriza pelo conjunto de técnicas ou práticas que auxiliam no estado de atenção plena, que é a capacidade de estar atento ao momento presente sem distrações.

"Trazer a atenção plena para atividades simples como beber chá nos treina a direcionar a atenção conscientemente. Atenção plena significa prestar atenção com os sentidos, no corpo - sentir, tocar, ver, ouvir e saborear. Criar um momento para desacelerar as atividades e/ou confraternizar com amigos com uma boa xícara de chá no meio da tarde, são rituais que produzem bem-estar", finaliza.

Confira abaixo a entrevista com o especialista Rodrigo Moreira. O nutricionista tirou as principais dúvidas sobre o consumo de chás:

Quais questões cerimoniais do chá podem ser tratadas dentro da nutrição?

A busca pela harmonia. Na nutrição é preciso ter um equilíbrio entre os todos os nutrientes que necessitamos. Não é porque um nutriente é bom que devessem consumi-lo em grande quantidade. 

É necessária uma relação de equilíbrio na composição da alimentação, considerando o consumo de chá e demais alimentos, de modo a evitar os excessos ou deficiências de nutrientes.

De modo geral, como o bem-estar das pessoas pode ser associado aos chás?

O consumo das ervas medicinais em forma de chá tem muitos nutrientes que podem trazer benefícios significativos para o bem-estar.

O que se entende como uma questão interdisciplinar envolvendo o chá e a saúde?

Na questão nutricional uma erva pode trazer benefícios diversos, chamamos de fito complexo, um conjunto de substância presentes em uma planta, que são extraídas ao fazer o chá, e ao consumi-las, podem agir em diferentes regiões do seu corpo.

Como o chá pode ser associado ao mindfulness?

Trazer a atenção plena para atividades simples como beber chá nos treina a direcionar a atenção conscientemente. Atenção plena significa prestar atenção com os sentidos, no corpo - sentir, tocar, ver, ouvir e saborear. 

Criar um momento para desacelerar as atividades e/ou confraternizar com amigos com uma boa xícara de chá no meio da tarde, são rituais que produzem bem-estar.

Últimas