Folha Vitória Espírito Santo chega a mais de mil pacientes com coronavírus internados em hospitais

Espírito Santo chega a mais de mil pacientes com coronavírus internados em hospitais

Atualmente 1.004 pessoas com covid-19 estão internadas em UTI's ou enfermarias nos hospitais públicos ou nos leitos comprados pelo governo

Folha Vitória
Foto: Reprodução / Agencia do Radio
Folha Vitória

Folha Vitória

Folha Vitória

O Espírito Santo superou a marca de mil pacientes com covid-19 internados em hospitais da rede pública e nos leitos contratados junto a unidades filantrópicas e particulares. De acordo com a atualização mais recente do Painel Ocupação de Leitos Hospitalares, da Secretaria de Estado da Saúde (Sesa), atualmente 1.004 pessoas infectadas pelo novo coronavírus estão internadas em Unidades de Terapia Intensiva (UTI's) ou em enfermarias nesses hospitais.

Somente nas UTI's exclusivas para o tratamento da covid-19, há 517 pacientes internados, com sintomas mais graves da doença. O número é o maior registrado no estado há quase cinco meses, desde o dia 20 de julho, quando havia 531 pessoas em tratamento nas unidades de terapia intensiva.

Durante pronunciamento realizado no final da tarde desta sexta-feira (18), o governador Renato Casagrande destacou que, no momento mais tranquilo da pandemia, há cerca de três meses, a quantidade de pessoas internadas nas UTI's exclusivas para covid-19 era menor do que 300. "Há uma tendência de pressão sobre o sistema de saúde. Não só a saúde pública, mas também os hospitais particulares estão pressionados", destacou o governador.

Considerando que atualmente o governo do Estado disponibiliza 623 vagas de UTI Covid-19, a taxa de ocupação desses leitos hoje é de quase 83%. Entretanto, para efeito de elaboração da Matriz de Risco, o governo estadual leva em conta também os demais 92 leitos de UTI, que têm potencial para receber pacientes com covid-19, mas que hoje estão voltados para o tratamento de outras enfermidades.

Levando-se em consideração esses 715 leitos em potencial, a taxa de ocupação é de 72,3%. Durante o pronunciamento deste sexta, Casagrande alertou que, se esse índice chegar a 80%, mais municípios capixabas entrarão no risco alto para a covid-19 e não haverá mais cidades em risco baixo.

De acordo com o Mapa de Risco anunciado pelo governo do Estado nesta sexta-feira, cinco municípios estarão no risco alto na semana que vem: Afonso Claudio, Alfredo Chaves, Vargem Alta, Mantenópolis e Ecoporanga. Outras 51 cidades estarão no risco moderado e 22 no risco baixo para a covid-19.

Enfermarias

Com relação às enfermarias voltadas para o tratamento da covid-19, onde estão os pacientes com sintomas menos graves da doença, atualmente há 487 leitos ocupados, segundo o painel da Sesa. 

Com isso, a taxa de ocupação dessas vagas está em 76,7%, uma vez que o total de leitos disponibilizados é de 635. Já levando-se em contato os leitos de enfermaria em potencial, o índice é de 59,6%.

Últimas