Folha Vitória Exagerou no sol? Veja como recuperar a pele depois do descuido!

Exagerou no sol? Veja como recuperar a pele depois do descuido!

Dermatologista dá dicas para tratar a pele queimada e aponta a hidratação como solução para reparar os estragos

Folha Vitória
Foto: Divulgação
Folha Vitória

Folha Vitória

Folha Vitória

O verão brasileiro está atingindo temperaturas que ultrapassam os 30ºC, deixando um calor intenso em quase todo o país. Com isso, a busca por locais onde as pessoas possam se refrescar cresce, seja piscina, praias e cachoeiras.  Mas é preciso ficar atento ao tempo de exposição, além dos produtos necessários, para não haver queimaduras na pele. 

A dermatologista Francine Papaiordanou dá dicas para driblar a sensação de ardência e restaurar a pele danificada. "A melhor forma de aliviar a sensação de desconforto é hidratar muito a pele e beber bastante água. Em casos muito intensos, é preciso procurar um dermatologista para prescrição de pomadas, analgésicos ou anti-inflamatórios para o alívio dos sintomas".

Para que a recuperação seja mais rápida, o ideal é que o produto seja denso, sem cheiro. "Para potencializar a hidratação, basta misturar óleo corporal ou óleo de bebê com o creme. Qualquer hidratação é bem-vinda".

Ainda falando sobre a ardência e o incômodo, a especialista indica um banho frio e a utilização de um sabonete que limpe sem agredir a pele.

É importante destacar que prevenir esse incidente é simples e necessário. Segundo o INCA (Instituto Nacional do Câncer), a cada ano, são registrados cerca de 185 mil novos casos de câncer de pele.

Francine aponta os cuidados para evitar as queimaduras. "É preciso uma proteção adequada com filtro solar, de três em três horas, e o uso de chapéu. Lugares com sombra também garantem a saúde da pele não apenas a curto prazo. Exposição sem proteção pode causar danos irreversíveis, como manchas, envelhecimento precoce e o câncer de pele", alerta a dermatologista.

*Com informações do Portal R7 

Últimas