Folha Vitória Facebook e instagram pagará US$ 1 bilhão para influenciadores até 2022

Facebook e instagram pagará US$ 1 bilhão para influenciadores até 2022

O CEO do Facebook e Instagram anunciou que as redes sociais da empresa pretendem investir US$ 1 bilhão para influenciadores digitais até 2022.

Folha Vitória
Foto: Divulgação/DINO
Folha Vitória

Folha Vitória

Folha Vitória

Em comunicado, o Facebook contou que planeja lançar novos programas de bônus até o final do ano que pagarão aos criadores por atingirem metas específicas. Entre eles, está o Reels Summer Bonus, que será lançado nas próximas semanas e pagará aos usuários dos Estados Unidos que criarem "ótimos conteúdos de Reels para o Instagram".

A partir de setembro, os recursos serão pagos também para os influenciadores que veicularem anúncios em seus vídeos no Facebook ou alcançarem determinadas metas durante transmissões ao vivo. No Instagram, os produtores de conteúdo podem receber o bônus para ativar anúncios em seus vídeos no IGTV, ou darem dicas específicas em transmissões ao vivo.

O dinheiro será concedido aos criadores que usarem as ferramentas da plataforma de diferentes maneiras:

No Facebook, os criadores podem receber um bônus em dinheiro para veicular anúncios em seus vídeos ou alcançar marcos importantes durante transmissões ao vivo;  No Instagram, os criadores podem ser pagos para ativar anúncios em seus vídeos IGTV, receber dicas em transmissões ao vivo ou criar vídeos populares em reels.

Por outro lado, o dinheiro está disponível para os criadores apenas por convite e as novas opções para ganhar renda serão anunciadas posteriormente. 

O grupo de Mark Zuckerberg indicou que iria expandir a disponibilidade para mais criadores no final do ano, lançando um “local dedicado aos bônus no aplicativo Instagram neste verão e no aplicativo do Facebook neste outono”.

Após certo mistério, o Instagram divulgou a programação completa da Creator Week no Brasil, evento virtual que deve reunir especialistas e criadores de conteúdo que desejam impulsionar sua carreira. Serão dois dias (19 e 20 de outubro) de palestras, bate-papo e muita informação: tudo gratuito, digital e com inscrições feitas pelo site oficial.

O evento que terá os dias principais de 19 a 21 de Outubro, contará com a presença de membros da equipe do Instagram e do Facebook Globais e Nacionais para tirar dúvidas técnicas sobre o algoritmo da plataforma, sistema de monetização, diversidade e inclusão. Mas o grande diferencial deve ser os artistas e criadores que falarão sobre os principais temas da comunidade de criadores do Instagram e compartilharão dicas de como lidar, inspirar e engajar na plataforma.

O EGOBrazil, conversamos com o criador de conteúdo, Rodrigo Lima que é o pioneiro em monetização no Brasil e segundo ele o Instagram vai sim, pagar 1 bilhão de dólares a vários criadores de conteúdos a nível mundial.

Rodrigo falou também que a plataforma já pagou uma boa quantidade aos criadores de conteúdos e perfil empresariais que foram monetizados na primeira fase, com as monetizações das Lives, valor esse que o próprio Rodrigo conseguiu mais de 1000 dólares, ou seja, mais de 5mil reais apenas fazendo lives e cumprindo objetivos que o Instagram impôs como metas, nesta fase inicial e ainda de testes.

 “O Instagram é uma mídia muito potente, mas teve seu reinado abalado pela concorrência que pagava algo aos criadores de conteúdos, pouco mais pagava, então era melhor criar conteúdo nas outras mídias tipo o TikTok do que no Instagram, falou Rodrigo”

O pioneiro dessas "monetizações˜ no BRASIL ainda falou a redação do EGOBrazil que a plataforma “roxinha” como é conhecido o Instagram sentiu o golpe, e contra-atacou com uma bonificação e investiu muito em dólares.

“Primeiro foi nas lives, agora estamos esperando ansiosos por várias outras monetizações no Instagram como os bônus do Reels, no IGTV e no Closed Friends; finalizou.

Siga Rodrigo no instagram.com/rodrigolimamdh para saber de tudo sobre essas monetizações.

Últimas