Folha Vitória Feridas na pele? Veja dicas para auxiliar na cicatrização

Feridas na pele? Veja dicas para auxiliar na cicatrização

É importante lembrar que a recuperação varia de organismo para organismo e de acordo com o tipo de ferida

Folha Vitória
Foto: Divulgação
Folha Vitória

Folha Vitória

Folha Vitória

Quando temos algum ferimento na pele só pensamos em quando ele vai melhorar, não é? As lesões na pele costumam incomodar, mas adiantamos: o processo de cicatrização é natural, dinâmico e começa no mesmo instante em que a lesão acontece, tanto que o próprio corpo faz esforços para interromper o sangramento de um machucado, por exemplo. Isso porque a cicatrização tem como objetivo restaurar a área afetada e, se possível, a função do tecido.

Esse processo ocorre em três etapas principais: fase inflamatória (tentativa de limitar o dano causado pelo ferimento, parando sangramentos e atraindo células responsáveis pela reparação do tecido), proliferativa (criação de novos vasos sanguíneos e formação de tecido saudável, iniciando o fechamento da lesão) e maturação ou remodelação (formação de cicatrizes e alteração da composição final do tecido cicatrizado).

É importante lembrar que a recuperação varia de organismo para organismo e de acordo com o tipo de ferida. De modo geral, toda ferida é uma ruptura de tecido, mucosa ou órgão, mas a classificação de uma lesão vai além, pois depende da causa e outros fatores.

Últimas